Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
sultão

ENSINO SUPERIOR (condições para concorrer à segunda fase)

6 publicações neste tópico

Boa tarde!

Caros amigos forenses:

Tenho um familiar que, por 2 centésimas, não conseguiu entrar na 1ª fase, na 1ª opção do curso de Mestrado Integrado de Engenharia Industrial e Gestão da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, que tinha escolhido, tendo, contudo, entrado na 2ª opção no curso de Ciências Farmacêuticas da Faculdade de Farmácia da mesma Universidade. Agora a nossa dúvida é a seguinte:

Será que ele pode concorrer à 2ª fase sem desistir da colocação que já possui na 2ª opção?

Caso não consiga entrar na 2ª fase no curso pretendido manterá a vaga na 2ª opção?

Para melhor esclarecimento destaco esta nota que retirei daqui: http://www.dges.mctes.pt/coloc/2009/nota_cna09_1f.pdf

Podem concorrer à 2.ª fase do concurso:

a) Os candidatos à 1.ª fase não colocados;

B) Os candidatos colocados na 1.ª fase que pretendam concorrer de novo (se

estes estudantes forem colocados na 2.ª fase, a colocação na 1.ª

fase, bem como a matrícula e inscrição que realizaram, são

anuladas);

Eu interpreto que pode concorrer e se não for colocado manterá a colocação na 1ª fase, mas não poderei estar enganado?

Agradeço todas as opiniões e interpretações que se dignarem dar-me.

Desde já obrigado a todos pela atenção.

Sultão

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Que pouca sorte! Aqui as centésimas deviam ser abolidas.....

Tu mesmo estás a dar a resposta à tua questão.

Pode concorrer à 2ª fase de candidatura e ao ser colocado a 1ª fase é anulada.

Assim, garante a colocação da 1ª fase,  caso não seja colocado na 2ª fase. :)

Espero não estar enganada, aliás, tenho quase a certeza absoluta que é assim.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom, esta questão levantou-me a seguinte dúvida:

Para garantir a sua colocação se calhar tem que se matricular em Farmácia (onde foi colocado), pois os resultados da 2ª fase só saem a 12 de Outubro.

Sugiro que não faça a candidatura online ou que só a faça após ir ou telefonar ao "centro" de candidatura ao ensino superior e tirar a dúvida. Se os resultados só saíram hoje, ainda tem tempo de se esclarecer.

Se calhar ainda te pus com mais dúvidas  :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Terá que se inscrever agora onde entrou e concorrer à 2a fase. Caso seja colocado na 2ª fase, fica automaticamente colocado nessa opção a que se candidatou. Caso não entre na 2a fase fica colocado na opção da 1a fase.

Sim as centésimas deviam ser abolidas. A minha irmã não entrou por 1 centésima  :(

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A 1ª opção era Engenharia Industrial e Gestão e a 2ª era logo Ciências Farmacêuticas? Ena, isso e´ que e´ ambivalencia :D

E´ como o Jonsi diz - matricula-se em Farmacia e pode candidatar-se `a mesma. Convem e´ candidatar-se so´ a cursos que realmente queria mais do que Farmacia porque depois perde a vaga de Farmacia para ficar colocado no novo curso...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Será que ele pode concorrer à 2ª fase sem desistir da colocação que já possui na 2ª opção?

Caso não consiga entrar na 2ª fase no curso pretendido manterá a vaga na 2ª opção?

Podem concorrer à 2.ª fase do concurso:

a) Os candidatos à 1.ª fase não colocados;

B) Os candidatos colocados na 1.ª fase que pretendam concorrer de novo (se

estes estudantes forem colocados na 2.ª fase, a colocação na 1.ª

fase, bem como a matrícula e inscrição que realizaram, são anuladas);

Eu interpreto que pode concorrer e se não for colocado manterá a colocação na 1ª fase, mas não poderei estar enganado?

Pelo que percebi, a resposta às duas perguntas é afirmativa.

Mas se ele concorrer à segunda fase e for colocado, a primeira colocação é imediatamente anulada, bem como a matrícula e inscrição.

Portanto, convém que se inscreva e matricule antes de concorrer à 2ª fase para não ficar a "empatar" em caso de não sucesso na 2ª fase!  ;)

Já em relação às escolhas dos cursos, é um pouco como o pauloaguia diz. É como ir do 8 ao 80... embora ambas estejam relacionadas com as ciências!...  :D

Mas se reflectirmos bem, a Indústria Farmacêutica precisa de Engenheiros Industriais e de Gestão, pois estar a colocar farmacêuticos na Gestão também não me parece uma boa política de Gestão numa Indústria Farmacêutica!...  ;)

Felicidades para o seu familiar!  :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0