camisola25

Ajuda na compra de automóvel

16 publicações neste tópico

Penso ser este o local certo para colocar esta dúvida, se não for pf mudem o tópico.

Boa noite,

Estou com umas certas dúvidas e gostava que pessoas mais experientes me ajudassem a ver todos os cenários possíveis face à seguinte situação:

Estou a pensar em adquirir um automóvel novo cujo plafond defini nos 15/16 mil €. Tenho actualmente 26 anos, sou licenciado em Gestão e trabalho à aproximadamente 2 anos. Actualmente tenho contrato a prazo até Março '10 (é o 2º, ainda poderei renovar mais um até decidirem se querem efectivar ou não. Nesta altura de crise efectivar na minha empresa é praticamente impossível). Vivo em casa dos meus Pais e consigo obter uma taxa elevada de poupança.(cerca de 60%). As despesas que tenho são basicamente pessoais e cerca de 100€ para deslocação casa-emprego-casa.

Tenho actualmente disponíveis para dar entrada cerca de 9 mil €. No entanto, tenho outros tantos (aprox 9 mil€) em diversas aplicações, quer sejam fundos, acções e uns valentes euros nos produtos de associado montepio.

A minha questão é a seguinte:

O valor definido é excessivo, é razoável, ou poderei estou a ser conseravador? Sei que se comprar um carro de aprox. 19.000€ irei ter um carro que tão cedo não irei ter necessidades de o trocar pois já será do segmento médio (astra,megane,focus,auris, etc). Caso opte pelo carro de 15/16 mil€, sei que irei ficar com um carro bastante mais limitado, mas ao mesmo tempo com um carro que irá ter uma desvalorização bastante reduzida. Assumo que poderei vende-lo daí a 2 anos praticamente pelo mesmo valor que o compro agora.

O que  devo fazer? Assumir uma responsabilidade menor, que de certa forma irei conseguir cumprir qualquer que seja o meu futuro. Ou assumir algum risco e ir para um carro de gama superior?

Actualmente o carro que possuo foi-me oferecido pelo meu Pai. É um comercial já com bastantes km´s. Após a sua compra foi fazer uma revisão geral e paguei 350€. Fui eu que paguei porque fiz questão de o carro ir à marca fazer uma revisão geral. Isto em Novembro. À uma semana atrás, gastei 270€ para arranjar um radiador que se tinha avariado. Já não gostei tanto como é lógico. Sei que tenho um carro que poderá dar-me problemas e consequentemente custos. Se comprar um novo não vou ter estes problemas uma vez que o carro estará abrangido pela garantia.

O que é que me recomendam a fazer?

Ou que outras variáveis devo ter em consideração para tomar a melhor opção?

Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Muito sinceramente, quando compro um veículo é para o levar até ao "casco" dessa forma optava pela gama superior em função do dinheiro que tens.

Parece-me que os riscos que corres são diminutos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O valor definido é excessivo, é razoável, ou poderei estou a ser conseravador? Sei que se comprar um carro de aprox. 19.000€ irei ter um carro que tão cedo não irei ter necessidades de o trocar pois já será do segmento médio (astra,megane,focus,auris, etc). Caso opte pelo carro de 15/16 mil€, sei que irei ficar com um carro bastante mais limitado, mas ao mesmo tempo com um carro que irá ter uma desvalorização bastante reduzida. Assumo que poderei vende-lo daí a 2 anos praticamente pelo mesmo valor que o compro agora.

Actualmente o carro que possuo foi-me oferecido pelo meu Pai. É um comercial já com bastantes km´s. Após a sua compra foi fazer uma revisão geral e paguei 350€. Fui eu que paguei porque fiz questão de o carro ir à marca fazer uma revisão geral. Isto em Novembro. À uma semana atrás, gastei 270€ para arranjar um radiador que se tinha avariado. Já não gostei tanto como é lógico. Sei que tenho um carro que poderá dar-me problemas e consequentemente custos. Se comprar um novo não vou ter estes problemas uma vez que o carro estará abrangido pela garantia.

Dois conselhos,

não vá na conversa dos vendedores de que poderá voltar a vender o carro passados 2 anos pelo valor que o comprou ou próximo deste. Não sei onde pretende fazer a compra, se o disser pode ser que haja opiniões acerca do stand em si, mas a realidade é que o carro desvaloriza assim que sai do stand de vendas. E depois sofre uma desvalorização que ronda os 10% todos os meses, por isso ponha essa ideia de lado.

Como tem um FIAT oferecido pelo seu pai, suponho que já deve ter uns anitos para lhe estar a dar os problemas que mencionou. Aconselho a dar uma vista de olhos a este tópico, http://www.pedropais.com/forum/index.php/topic,1710.0.html, e pensar em abater o valor desse veículo num outro que esteja de acordo com as suas pretensões.

De resto, tanto pode seguir o conselho do hsfarao, como esperar pelo carro eléctrico... mas isso é uma decisão que lhe cabe a si tomar, atendendo à sua disponibilidade financeira futura associada aos gastos que o novo veículo terá, nomeadamente, combustivel (ou electricidade), revisão anual (mudança de óleo, travões,...), imposto de circulação anual,...

Cumps  8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Dois conselhos,

não vá na conversa dos vendedores de que poderá voltar a vender o carro passados 2 anos pelo valor que o comprou ou próximo deste. Não sei onde pretende fazer a compra, se o disser pode ser que haja opiniões acerca do stand em si, mas a realidade é que o carro desvaloriza assim que sai do stand de vendas. E depois sofre uma desvalorização que ronda os 10% todos os meses, por isso ponha essa ideia de lado.

Como tem um FIAT oferecido pelo seu pai, suponho que já deve ter uns anitos para lhe estar a dar os problemas que mencionou. Aconselho a dar uma vista de olhos a este tópico, http://www.pedropais.com/forum/index.php/topic,1710.0.html, e pensar em abater o valor desse veículo num outro que esteja de acordo com as suas pretensões.

De resto, tanto pode seguir o conselho do hsfarao, como esperar pelo carro eléctrico... mas isso é uma decisão que lhe cabe a si tomar, atendendo à sua disponibilidade financeira futura associada aos gastos que o novo veículo terá, nomeadamente, combustivel (ou electricidade), revisão anual (mudança de óleo, travões,...), imposto de circulação anual,...

Cumps  8)

Muito obrigado pelas vossas opiniões.

Em relação ao carro é um Fiat não um Renault. (pormenores)

Em relação à desvalorização é tal como eu disse. Não é cantiga do vendedor. Eu trabalho numa empresa do ramo automóvel e como tal tenho um  desconto de colaborador. O que acontece é que actualmente esse desconto é praticamente igual aquele que é oferecido pelas marcas nos veículos p/ abate. Se optar pelo modelo mais barato, que não está abrangido pelas campanhas da marca, irei concerteza adquirir um veículo por um valor bem inferior aos valores de mercado do automóvel. Se optar pelo de gama superior, o desconto que tenho agora é o desconto que praticamente todos conseguem dando um veículo p/ abate. Neste último caso, o carro será sempre para ir até às últimas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Como tem um FIAT oferecido pelo seu pai, suponho que já deve ter uns anitos para lhe estar a dar os problemas que mencionou. Aconselho a dar uma vista de olhos a este tópico, http://www.pedropais.com/forum/index.php/topic,1710.0.html, e pensar em abater o valor desse veículo num outro que esteja de acordo com as suas pretensões.

Em relação ao carro é um Fiat não um Renault. (pormenores)

Eu não mencionei nenhum Renault!...

Cumps  8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu não mencionei nenhum Renault!...

Cumps  8)

Ainda devo tar a dormir só pode... ???

Queria dizer que é um Renault e não um Fiat!  ::)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

São as prosas senhor, são as prosas!...  ;D

Eu é que não faço a minima de onde tirei aquela do FIAT! Devia ser o adiantado da hora!...  :D

No stand onde trabalhas há alguma possibilidade de fazer uma avaliação a um veículo via site, caso o stand esteja instalado nalgum site?

Cumps  8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

São as prosas senhor, são as prosas!...  ;D

Eu é que não faço a minima de onde tirei aquela do FIAT! Devia ser o adiantado da hora!...  :D

No stand onde trabalhas há alguma possibilidade de fazer uma avaliação a um veículo via site, caso o stand esteja instalado nalgum site?

Cumps  8)

Como assim? Não entendi. Uma avaliação de um veículo usado?

Não trabalho num stand. Trabalho numa empresa de produção automóvel situada no Norte e mais não digo porque já disse tudo  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, era nesse sentido. Avaliação de um veículo usado.

Mas parece-me que não. Caso contrário, já o tinhas feito para o teu Renault...  ;)

Cumps  8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Viva,

Vou optar pelo mais em conta, aprox 16.000€. O modelo seguinte que me cativava era 4.000€ mais caro. Como pretendo pagar o carro em 3 anos isso representaria um encargo de +110€ por mês o que não me apetece dar  ;D

Digo isto porque gosto mesmo do carro que vou comprar, sei das limitações mas a parte emocional também conta n? ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Viva,

Vou optar pelo mais em conta, aprox 16.000€. O modelo seguinte que me cativava era 4.000€ mais caro. Como pretendo pagar o carro em 3 anos isso representaria um encargo de +110€ por mês o que não me apetece dar  ;D

Digo isto porque gosto mesmo do carro que vou comprar, sei das limitações mas a parte emocional também conta n? ;)

Então e qual foi o teu eleito, se n for indiscrição?

Seja qual for ele, uma outra questão lateral: referiste no início do tópico ter aplicações financeiras suficientes para adquirir o automóvel a pronto...achas q te compensa comprar a prestações, tendo em conta que os juros q vais pagar serão certamente bem superiores as quais estás a ver as tuas poupanças serem remuneradas?  ???

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nestes momentos de crise algumas considerações a fazer:

1. Um carro semi-novo ,com 10 a 15000 Kms é novo na mesma , tem garantia e vc não paga a depreciação inicial.Lembre-se que estamos em crise e há muita gente aflita para pagar o carro pelo que pode fazer ótimos negócios.

2.Dê a entrada mais alta que puder , mantendo ainda o colchãozinho financeiro para o casa de desemprego , e de forma a não ficar a pagar juros desnecessários.

Já que tem contrato até Março ( me parece), talvez no seu lugar comprasse um mais barato com os extras todos de forma a poder pagá-lo a pronto.

Abraço ,

Speedbird

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

[quote author=radical_pt link=topic=1845.msg16729#msg16729 date=1249403399

Então e qual foi o teu eleito, se n for indiscrição?

Seja qual for ele, uma outra questão lateral: referiste no início do tópico ter aplicações financeiras suficientes para adquirir o automóvel a pronto...achas q te compensa comprar a prestações, tendo em conta que os juros q vais pagar serão certamente bem superiores as quais estás a ver as tuas poupanças serem remuneradas?  ???

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nestes momentos de crise algumas considerações a fazer:

1. Um carro semi-novo ,com 10 a 15000 Kms é novo na mesma , tem garantia e vc não paga a depreciação inicial.Lembre-se que estamos em crise e há muita gente aflita para pagar o carro pelo que pode fazer ótimos negócios.

2.Dê a entrada mais alta que puder , mantendo ainda o colchãozinho financeiro para o casa de desemprego , e de forma a não ficar a pagar juros desnecessários.

Já que tem contrato até Março ( me parece), talvez no seu lugar comprasse um mais barato com os extras todos de forma a poder pagá-lo a pronto.

Abraço ,

Speedbird

O carro tem que ser novo p/ poder usufruir do incentivo ao abate. De qql forma, não creio que um carro usado mesmo com poucos km´s seja a mesma coisa que um carro novo. Depende do uso... às x´s fazem autenticas atrocidades aos carros de serviço e de test-drive... com 15.000 km´ de novo muitas vezes só tem mesmo a matrícula.

Vou dar o máximo que quero dar agora, com a certeza que se ficar em maus lençois em Março não vou ficar apertado para vender o carro. Isso é garantido.

Queria agradecer a todos as vossas opiniões, é sempre de salutar a troca de ideias e experiencias.

João

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

[quote author=radical_pt link=topic=1845.msg16729#msg16729 date=1249403399

Então e qual foi o teu eleito, se n for indiscrição?

Seja qual for ele, uma outra questão lateral: referiste no início do tópico ter aplicações financeiras suficientes para adquirir o automóvel a pronto...achas q te compensa comprar a prestações, tendo em conta que os juros q vais pagar serão certamente bem superiores as quais estás a ver as tuas poupanças serem remuneradas?  ???

Viva.

A minha mãe "deu-me" a volta à cabeça. Pensava em comprar um IQ ou um Auris. O IQ pq adoro o carro, o auris porque seria já outro tipo de carro. Vou acabar por comprar um Yaris (é um 1/2 termo). O valor é sensivelmente o mesmo, mais 1000 e poucos euros e tenho um carro de 5lg com mala e bastante espaçoso (p/ o segmento).

É um facto que a taxa de juro do empréstimo é superior à taxa q estou a receber pelas minhas aplicações. No entanto é sempre mais dificil poupar... daí que prefira deixar o dinheiro que tenho de "lado" e pedir emprestado. É uma questão pessoal de uma disciplina "forçada", com mais custos, mas que me protege de eventuais desvarios €mocionais lol.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, gosto bastante das marcas Japonesas. Têm uma fiabilidade comprovada e isso é bastante importante num automóvel. Eles foram feitos para andar não para estar na oficina :)

Gosto bastante da nova Verso, se não é a melhor proposta do segmento está certamente entre as 3 melhores. É um excelente produto. Altos padrões de segurança, motores muito fiáveis e bastante ecológicos e económicos. Tem bastante mais espaço do que transparece à 1ª vista. É bem maior por dentro do que parece por fora. Tem é um problema, o preço. lol. mas q qualidade paga-se  ;D

Quanto ao Urban Cruiser, não é um produto que ache interessante. Estéticamente é muito bonito, até é um carro engraçado, mas a plataforma é a do Yaris e os interiores são bastante "pobres" para o preço que pedem pela viatura. Aliás, a minha opinião pessoal é que a Toyota é bastante competitiva nos segmentos baixos (aygo, yaris) e no segmento da Avensis e da Verso. O auris e o corolla, na minha opinião, não são produtos competitivos no mercado nacional, porque para viaturas deste valor (aprx 23/24 mil €) oferecem muito pouco equipamento. Contrabalançam pelo facto de serem TOYOTA, o que só por si garante fiabilidade, mas espera-se algo mais... pelo menos eu não concebo dar 23 mil € por uma viatura que não tem metade do equipamento q um clio disponibiliza.

No entanto, excelente escolha a da Verso! está satisfeito?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead