drica

SPREADS

94 publicações neste tópico

Boa tarde,

Desde já dou-lhe o parabéns pela praticidade e utilidade do seu site! Só o conheço à umas horas e já sou fã!

O meu problema é referente ao spread do crédito habitação a realizar.

Escrevo porque li num artigo, que publicou em Julho 2008 ( e peço desculpa se tiver algum mais recente mas não encontrei) que um bom Spread seria abaixo dos 0.6%. Ora neste momento, após um ano, a coisa muda de figura.

O que considera agora um bom Spread? Já fui a vários bancos e eles mostram-se extremamente renitentes em reduzir os spreads, até me parece que nem estão muito interessados em realizar contratos de crédito habitação.

No BBVA foi-me inicialmente estabelecido um spread de 0.45% na condição da relação finaciamento/garantia ser 80%, mas após a avaliação do imóvel ( muito aquém do previsto, diga-se de passagem) o spread agravou para 0.6%.

Já fui a outras entidades bancárias e todos praticam spreads acima dos 0.6%!

Visto que o ano passado os spreads eram bastante mais baixos, existe alguma hipótese de dentro de pouco tempo voltarem a praticar esses valores?

Li um artigo no jornal de negócios online onde o spread tenderá a subir!!

Será verdade??

Com os melhores cumprimentos,

Adriana Machado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Se consegues um SPREAD de 0,6% e tendo em conta os dias que correm pode dizer-se que está bom. Não deixes de visitar www.caixagalicia.pt

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde

não é que seja muito perito no assunto mas resolvi complementar a resposta do hsfarao.

Uma vez que o site agora está virado para a publicidade e afins, aconselhava a Adriana a telefonar para a DECO ou ir ao site deles o mais depressa possível. E porquê?

De acordo com as últimas informações que recolhi junto desta instituição, eles têm um acordo com um banco que permite oferecer condições muito vantajosas para associados. Nomeadamente, spread 0 no primeiro ano e 0,4% nos anos seguintes. Mas, creio que o valor pedido deve ser 80% do valor da  avaliação.

Nada como mexer-se rapidamente e aproveitar para se informar directamente com a DECO para ver se está enquadrada na situação ou se lhe oferecem melhores condições do que as que já encontrou.

Cumps

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Creio que além do valor da avaliação, os restantes produtos contratados no banco também são essenciais para baixar o spread.

Depois é preciso ajustar com os seguros, para ver se vale a pena.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Obrigada pela resposta tão rápida!

Não entrando com os seguros, pois isso é outra guerra a ter muito em conta, por vezes com muito mais importância do que o Spread, o problema é que quase todos os bancos tÊm spreads na ordem dos 0.7% a 0.35% se a relação financiamento/garantia for de 80%. Aí é que a porca torce o rabo!

Hoje os bancos avaliam de forma por baixo, que a nossa previsão para o valor do imóvel, é bastante diferente do que da empresa avaliadora.

E portanto os Spreads inicialmente previstos sobem logo para os 0.9% no minimo!!! 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas o que conta é a empresa avaliadora, da mesma forma que o banco dificulta em caso de má avaliação, creio que também se pode regatear em caso de uma valiação que altere substancialmente a taxa de esforço.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu tive muita sorte... 0.25% de spread... E só fiz a escritura há 1 ano... Actualmente está muito complicado, só com subscrição de produtos  é que nos baixam o spread, o que é um pau de dois "le"gumes. Se há uns tempos não estava muito favoravel por causa das altas taxas, actualmente é o spread que os bancos estão a utilizar...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá Rubvi!

Já agora podes dizer-me o banco onde onde conguiste esse spread?

Se bem que agora é impossivel, pois o banco com quem trabalho´, se fosse há um ano tb me fazia esse spread!!!

Mas agora....

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá, Drica...

O banco é a Caja Duero, e neste momento não sei se está a praticar esses spreads...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

Infelizmente esses spreads já não se praticam a não ser em boas campanhas, como por Exemplo, a campanha da primavera do Barclays.

No ramo da consultoria financeira já estamos habituados a escriturar quase todo acima de um, a nao ser ser que consigamos um LTV de 40%.

Cumps

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Então ainda tive sorte que consegui um spread de 0.6% este mês de Junho!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Então ainda tive sorte que consegui um spread de 0.6% este mês de Junho!

Ainda bem que conseguiste esse spread de 0,6%, mas chegaste a questionar a DECO sobre se te podiam arranjar um spread 0% no primeiro ano e 0,4% nos anos seguintes?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Então ainda tive sorte que consegui um spread de 0.6% este mês de Junho!

Se este valor já esta escriturado, então sim é uma das felizardas... mas se é uma simulação é um valor que nunca está garantido.

H.C

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá JRibeiro!

Só não percebi uma coisa!

Quem é que financia esses 0% no 1ºano, a deco, o banco com quem ja tenho um crédito aprovado ou outro banco com quem a deco trabalhe?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá HIAC!

sim já esta escrito!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá JRibeiro!

Só não percebi uma coisa!

Quem é que financia esses 0% no 1ºano, a deco, o banco com quem ja tenho um crédito aprovado ou outro banco com quem a deco trabalhe?

Boa tarde,

bem me parecia que não tinhas percebido.

O hsfarao foi conciso e eu complementei a resposta dele. Pareceu-me na altura que te tinha passado ao lado a minha dica e voltei a perguntar.

A DECO fez uma parceria com a CAIXA GALICIA e oferece taxas muitos competitivas.

Agora que já tens um crédito à habitação com spread 0,6% creio que já não podes "rasgar" o contrato como hoje se vai ouvindo por ai.

Entre assinar um contrato com um spread de 0,6% e a possibilidade de obter 0% durante um ano e depois 0,4% por uma instituição credivel como é a DECO, ter-me-ia mexido um pouco mais na tentativa de saber se de facto as condições que eu disse eram verdadeiras. Pelo menos foram estas as condições que ofereceram a um amigo meu a quem eu ajudei a encontrar o melhor crédito à habitação possível. Estas condições apenas acontecem para associados da DECO. No entanto, podes sempre ir a este link, http://www.deco.proteste.pt/credito/credito-a-habitacao-deco-caixa-galicia-perguntas-mais-frequentes-s402651.htm, e começar a investigar nas "perguntas ou respostas" e telefonar para um dos telefones postos à disposição pela DECO. Se não for o correcto eles encaminham. Ou então, atendendo ao que já está feito talvez seja melhor não investigar nada para não ter nenhuma decepção.

Cumps

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

So´ mais uma coisa - para tirar partido desse protocolo nao e´ preciso contratarcontactar a DECO (a menos que seja para se tornar socio). Basta ir `a Caixa Galicia. Alias, acho que ate´ se lhes pode pedir para fazer a simulaçao com o protocolo da DECO e depois decidir se se faz socio ou nao.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá, Drica...

O banco é a Caja Duero, e neste momento não sei se está a praticar esses spreads...

Caja Duero: 0,33%, actualmente (mas também para o multi-funções, caso enquadrado).

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

So´ mais uma coisa - para tirar partido desse protocolo nao e´ preciso contratar a DECO (a menos que seja para se tornar socio). Basta ir `a Caixa Galicia. Alias, acho que ate´ se lhes pode pedir para fazer a simulaçao com o protocolo da DECO e depois decidir se se faz socio ou nao.

Boa tarde!

pauloaguia, permita-me que o corriga!  :)

Para usufruir de desconto maior no SPREAD e na Taxa Anual Efectiva (TAE), precisa de ser associado. Suponhamos que o Drica ou outro possível interessado em contarir um empréstimo bancário, tinha tomado atenção e resolvia ir imediatamente pedir um financiamento (empréstimo) entre 80 a 90% do valor da avaliação. O seu SPREAD iria para 0,75% e a TAE andaria nos 2,2 a 2,27%. Se fosse apenas via CAIXA GALICIA, parece-me que nem lhe concediam empréstimo, ou concediam-lhe mas certamente com um SPREAD muito acima de 1,5% ou 2%.

Suponhamos outro exemplo. Vamos imaginar que o "possível interessado" pretende um financiamento até 80% do valor da avaliação. Vamos supor que o valor a pedir é inferior a 75000€. Se for através do protocolo DECO/Caixa Galícia, o seu SPREAD será de 0,45% e a TAE andará entre 1,95 a 1,98%. Mas se for apenas através da CAIXA GALICIA  o seu SPREAD sobe logo para um intervalo entre 0,75% a 1,10% e a TAE andará entre os 2,34 e os 2,75%. E por ai fora!

Dai o meu conselho inicial, umas mensagens atrás. Mexam-se rápido, pois as boas oportunidades quando surgem são para serem aproveitadas!  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

...

pauloaguia, permita-me que o corriga!  :)

...

Obrigado pela correcção. Eu queria ter dito não é preciso contactar em vez de não é preciso contratar (a DECO). Ou seja, quem já for sócio não vale muito a pena ir à DECO fazer perguntas sobre o crédito - eles provavelmente vão reencaminhá-lo para a CaixaGalicia.

Quem não for, só precisa de entrar em contacto com a DECO para se tornar associado (mais uma vez, basta ser sócio, não é preciso assinar as revistas, se não se quiser gastar tanto dinheiro).

A minha primeira frase era bastante ambígua, obrigado pela chamada de atenção ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este protocolo só tem um problema que é para os casos como eu, em que precisamos de ter financiado os 100%. Ou seja, eu preciso de ter as chamadas duas linhas de crédito, e na caixa galicia, apenas me conseguem dar uma linha de crédito, não tendo soplução para um crédito multi-opções/soluções.

Apenas me falaram em crédito pessoal, com spreads bem altos.

Outra coisa que me disseram foi que as avaliações da caixa galicia (apesar de serem independentes)são geralmente mais baixas, obrigando a que os clientes que querrem usufruir dessas condições tenham algum capital proprio disponivel.

No meu caso eu tenho 230.000,00€ de Apartamento para vender livre de encargos, mas de pilim/pastel/money não o tenho disponível ...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde Hugo S.

No seu caso, devemos analisar prós e contras.

Tem um imóvel e não o consegue vender facilmente.

Tem capital aplicado a render e não o quer movimentar para não perder rentabilidade.

O que resta?

Pretende contrair um empréstimo a 100% sobre o valor da moradia que gostou e pretende adquirir!

Creio que, independentemente do valor dos seus rendimentos anuais, seria prudente não contrair empréstimo enquanto não vende-se o seu imóvel ou pudesse movimentar o capital que está a render.

No curto prazo é sempre agradável ir para uma casa nova com a família toda, mas no futuro começam a surgir despesas inimagináveis como água, luz, telefone, telemóveis, saneamentos, licenças e com valores que não se comparam com os de um apartamento!

Se consolidar o empréstimo arrisca-se a ficar sem bens ou de parte dos seus bens, caso não consiga por algum motivo cumprir com o contrato estabelecido!

O meu conselho, poderá auscultar outros e mais elaborados do que o meu, seria então que deveria ter prudência e cautela antes de se "aventurar" em algo que poderá será muito bom no imediato mas muito doloroso num futuro não muito distante.

E digo mais, os bancos só são amigos das pessoas enquanto estas cumprirem com as obrigações estipuladas por eles. Caso falhe uma "palha", pode crer que não terão nenhuma complacência em cobrar os dividendos!

Aconselhava-o também a dar uma vista de olhos sobre o seguinte tópico relacionado com imobiliárias: http://www.pedropais.com/forum/index.php/topic,1706.0.html

Cumps

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Obrigado pelo comentário.

Hoje o BES e o BPI deram-me 0,8% de Spread para créditos onde coloque hipoteca sobre as duas habitações. dando-me carência até 36 meses, permite-me 3 anos para venda da minha habitação.

De facto, seria tudo muito mais fácil vendendo já a minha habitação, pois assim teria um crédito de no máximo 40.000€, o que nos dias de hoje é um luxo :)

Já comentei no outro tópico a questão das imobiliárias e a minha aventura curta com elas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia!!

Já que esta aberto este tópico também vou expor a minha situação que é  a seguinte:

Vou comprar casa, já tenho contrato de compra e venda o valor do imóvel são 110000, mas as avaliações realizadas pelos recentes compradores que também têm créditos esta a rondar entre o 128500 e 131000 dependendo do banco, o que pretendo é pedir os 110000, pois tenho algum capital propio que ira servir para pagar papelada e o recheio da casa ( que pelos meus cálculos entre moveis, papelada e etc deve rondar os 25000) mas também quero ficar com algum fundo de reserva, neste momento a melhor oferta que tenho é do BES com spred de 0,7 mas ainda negociáveis se encontrar uma oferta melhor, o que ainda não me aconteceu, gostava da vossa opinião a onde me posso dirigir e conselhos que me possam dar para ter a melhor oferta possível.

obrigado a todos desde já

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde!

Pela descrição que fez, a relação financiamento/garantia rondará os 85%. Ainda há Bancos a financiar aquisições e transferências a 90%. Não pode é contar com spreads muito baixos. O risco para o Banco que financiar é maior logo o preço aumenta.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead