Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
Novais

Qual o melhor banco para transferência de crédito?

23 publicações neste tópico

Caros amigos, venho pedir a vossa ajuda para saber qual o banco que ofereçe as melhores condições para a transferência do crédito habitação nomeadamente, todos os custos suportados, melhores spreads, qualidade no atendimento ao cliente e serviços, etc.

Espero contar com a vossa ajuda e espero ajudar no que me for solicitado. Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

quais são as condições que tens actualmente?

Só assim se pode dar uma resposta cabal ao pretendido.

Cumps

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

quais são as condições que tens actualmente?

Só assim se pode dar uma resposta cabal ao pretendido.

Cumps

José, actualmente tenho o crédito "preso" na Millennium bcp em taxa fixa. Estou a pagar 490€ sobre 92.000€ em 35 anos, com taxa de cerca de 4%, fora os seguros e sei que neste momento poderia estar a usufruir de uma prestação bem mais baixa na ordem dos 200 e poucos €€€.

Acontece que para me alterarem para a taxa variável, teria de pagar uma multa de "apenas" 1800€, o que acho absurdo, daí o meu interesse nalgum banco que possa cobrir todas essas despesas. Estou farto de ser roubado por este banco e a minha paciência (e carteira) têm limites.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

concordo perfeitamente com o que dizes.

Espero que venham mais entendidos no assunto para te arranjarem uma boa solução. No entretanto, aconselhava-te duas opções.

1ª Telefonares para DECO, pois para associados há um acordo DECO/Caixa Galicia que te pode arranjar boas condições.

2ª Deslocar-te a uma Agência Barclays ou fazer uma simulação na página oficial. Sei que para transferências e para os montantes pretendidos o spread anda na casa dos 0,35-0,45%.

Não sei se cobram despesas por transferires o teu crédito, mas é uma questão de perguntares e partilhares para que mais pessoas possam usufruir de boas vantagens.

E por fim, mexeres-te rápido pois as vantagens que eles oferecem não são para sempre...

Cumps

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Novais, Segundo sei os empréstimos são um contrato entre duas partes e a não ser que lhe tenham apontado uma pistola na hora de aceitar as condições propostas pelo banco, a expressão que usou de estar a ser roubado parece-me um pouco excessiva. Boa sorte na busca de uma melhor solução para a sua actual situação.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia,

Existem mais bancos com campanhas de custos zero. O melhor é mesmo procurar ajuda a uma pessoa especializada em credito habitação, poupa-nos imenso tempo, pois fazem tudo por nós e dão-nos as melhores Soluções e a um custo zero, que foi o que eu fiz e estou muito satisfeita.

Cumps.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia,

Existem mais bancos com campanhas de custos zero. O melhor é mesmo procurar ajuda a uma pessoa especializada em credito habitação, poupa-nos imenso tempo, pois fazem tudo por nós e dão-nos as melhores Soluções e a um custo zero, que foi o que eu fiz e estou muito satisfeita.

Cumps.

Viva,

Já agora quem são essas pessoas?? Assim quando precisar já sei onde me dirigir! ;)

Cumps

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

De entre as pessoas que conheço e que têm créditos à habitação, algumas já mudaram para o Barclays. E o que ouço dizer é que o Barclays é o que está actualmente a oferecer as melhores condições.

Os detalhes sobre as condições sinceramente desconheço, mas é uma questão de visitarem uma agência do Barclays e pedir informações  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Já agora quem são essas pessoas?? Assim quando precisar já sei onde me dirigir! Wink

Viva,

As pessoas especializadas são consultores financeiros. Se precisar pode mesmo de um consultor pode entrar em contacto comigo que lhe recomendo uma pessoa de confiança.

Muitas vezes falar com um consultor pode trazer-nos só vantagens pois há muitos pormenores que nos escapam.

Saudações ao Fórum...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu mudei para o Barclays quase há um ano e foi o melhor que fiz... deixei o BES e um sem nr de pequenas situações (vulgo comissões) que começavam a chatear.

Acho que aqui no forum houve mais um user pelo menos a fazer o mesmo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu mudei para o Barclays quase há um ano e foi o melhor que fiz... deixei o BES e um sem nr de pequenas situações (vulgo comissões) que começavam a chatear.

Acho que aqui no forum houve mais um user pelo menos a fazer o mesmo.

Eu fui para o Barclays há um ano atrás e foi a pior coisa que me aconteceu, porque aceitei uma taxa fixa e agora estou a pagar cerca 200eur a mais relativamente ao mercado. Além que tenho a minha mulher a dar-me na cabeça a toda a hora :) porque eu é que tive a ideia de mudar

E caro rjmsilva, claro que ninguem aponta pistola, possivelmente o srº é que nunca esteve nessa situação destas, senão de certeza se sentiria tb "roubado". O que mais chateia é que os bancos fazem todo para uma pessoa entrar mas depois não nos ligam. Qual é o problema de mudar o contrato? Aceitaria até pagar mais um pouco relativamente ao mercado... mas 200eur!!! Ao fim de um ano são 2400eur. Para mim é um roubo, porque não me deixam mudar o contrato!!  Por mais que me digam que assinei um contrato, eu não aceito o facto de não de poder mudar o contrato mesmo tendo que pagar uma "multa". Mas 1800eur de "multa"!!! Desculpe, tb é um grandississimo roubo...Tenho tudo o que eles (Barclays) exigem e mais coisas, como o PPR, que por não estar satisfeito fez com que acabasse as transferencias mensais de 100eur que fazia. Mas são capazes de gastar um dinheirão a pagar despesas de transferencia de outros emprestimos. Não se compreende!!

Caro HIAC, talvez o contacte :)

Cumprimentos

PAulo

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Paulo

Sem querer defender ninguém acho que está a culpar o Barclays por algo em que a culpa é apenas e só sua.

O Barclays não o obrigou a contratar taxa fixa, tinha consciencia de que se a euribor subisse não ia pagar mais e concerteza também não ia reclamar porque pagava menos, mas imagine que o banco chegava junto de si e dizia que como a euribor subiu e tava a perder dinheiro queria negociar, voce aceitava ?? Pois, se calhar não e valia-se de que não era o que tinham contratado..

Então porque é que ao contrário há-de ser diferente ??

Sabia o que estava a contratar, tomou a decisão da taxa fixa, agora das duas uma, ou muda o crédito para outra instituição ou tenta negociar isso com o banco, mas como é um contrato para ser alterado tem que ser de comum acordo, da mesma forma como o fez quando o assinou...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Alem disso, o banco tambem pediu esse dinheiro emprestado junto de outra instituiçao, provavelmente com condiçoes identicas. Nao se trata apenas do Barclays estar ou nao de ma´ vontade, mas tambem dos compromissos que tem que assumir perante terceiros. Obviamente, o banco pode sempre achar que mais vale renegociar do que perder o cliente, mas e´ uma prerrogativa dele nao o fazer.

Nestes casos a unica forma simples de baixar a taxa e´ mesmo mudar para outro banco, com outras condiçoes... Claro que daqui por uns meses, as taxas provavelmente vao começar a subir 8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Caro Nuno, eu infelizmente assinei o contrato sem ligar à taxa fixa, mas sim ao spread, sem pensar no futuro, a unica coisa que tinha em mente é que ia para melhor naquele momento. Infelizmente não sou o unico, isto se passa com milhares de pessoas que não entendem bem o funcionamento de taxas e etc..  que acreditam no que é dito pelo funcionario do banco sem pensar nas consequencias do depois.

Claro que agora já não caio noutra porque com este site estou mais entendido neste assunto.

Mas, será correcto culpar as pessoas "ignorantes" na matéria de taxas/spreads/etc..???  não concordo que os superentendidos na materia de taxas e afins achem que as pessoas que não entendem sobre esses assuntos devem assumir o facto de terem assinado um contrato que mal entendem... Para mim, isto é parecido com aqueles vigaristas que apanham algumas pessoas e as enganam para lhes sacar o dinheiro.

E será correcto compararmos uma instituição com uma pessoa, ao se fazer um acordo?? Estarão os dois ao mesmo nivel?? Eu concordo que se fizesse um acordo com outra pessoa (em vez de uma instituição) teria que seguir o acordado, mas, com uma instituição!!!

Conforme tinha dito, aceito que haja consequencias para se mudar um contrato, mas não "roubar" tanto.

Acham correcto se pagar de renda 200eur a mais relativamente ao mercado!!??

Por mais que digam que eles estão certos, eu não concordo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas, será correcto culpar as pessoas "ignorantes" na matéria de taxas/spreads/etc..???  não concordo que os superentendidos na materia de taxas e afins achem que as pessoas que não entendem sobre esses assuntos devem assumir o facto de terem assinado um contrato que mal entendem... Para mim, isto é parecido com aqueles vigaristas que apanham algumas pessoas e as enganam para lhes sacar o dinheiro.

E como é que se sabe se tu és um "ignorante" ou um entendido na matéria que apenas fez um mau negócio, se calhar até a pensar que estava a passar a perna ao banco, na altura, e agora está a tentar livrar-se dele com um choradinho?

E será correcto compararmos uma instituição com uma pessoa, ao se fazer um acordo?? Estarão os dois ao mesmo nivel?? Eu concordo que se fizesse um acordo com outra pessoa (em vez de uma instituição) teria que seguir o acordado, mas, com uma instituição!!!

Boa, deixamos todos de pagar impostos. A instituição Estado não devia de andar atrás de nós para os pagarmos, não é justo, somos apenas pessoas individuais.

E, já agora, deixava-se de pagar o empréstimo também. Eh, pá, foi uma instituição que te emprestou o dinheiro, para quê ser forçado a cumprir o acordado, se se foi despedido e não se consegue pagar? Era só pessoal a despedir-se do emprego :P

Conforme tinha dito, aceito que haja consequencias para se mudar um contrato, mas não "roubar" tanto.

Acham correcto se pagar de renda 200eur a mais relativamente ao mercado!!??

Pois, isso é a diferença entre a moral e o olhar só para o dinheiro. Concordo que o banco podia facilitar. Mas não concordo que te aches no direito de que o banco o devesse fazer.

Até porque, eventualmente tens alternativas? Já exploraste a hipótese de mudar para outro banco onde comeces com novas regras, saindo desse erro em que caiste sem intenção? Não adianta de nada chorar sobre o leite derramado, há que ir é à procura da vaca para voltar a encher o balde... E se ela já não tiver leite, procurar outra ;) (analogia, um bocado parva, mas neste caso acho que não é completamente fora de contexto 8))

aliás, se encontrares outro banco que te ofereça melhores condições (o que não deve ser difícil, perante esse cenário), podes sempre voltar ao teu banco e apresentar a proposta da concorrência. Pode ser que cedam alguma coisa...

Por mais que digam que eles estão certos, eu não concordo.

Por mais que não concordes eu não consigo achar que estejas certo. :-\

Não me leves a mal, eu compreendo que não estejas satisfeito com a situação (até te estou a sugerir alternativas para saires dela), mas acho que simplesmente não estás a pensar bem nas consequências do que estás a sugerir...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Caja Duero

Financiamento para aquisição de habitação ou transferências de crédito à habitação.

A partir de 0,33% Spread sobre a Euribor a 3, 6 ou 12 meses.

Ver: www.cajaduero.pt

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

E como é que se sabe se tu és um "ignorante" ou um entendido na matéria que apenas fez um mau negócio, se calhar até a pensar que estava a passar a perna ao banco, na altura, e agora está a tentar livrar-se dele com um choradinho?

Eu (ou outra pessoa) a enganar os bancos !!?? Desculpa, mas infelizmente milhares têm de "levar" com pessoas que pensam como tu.

Grandes dicas que dás, quando dizes "(até te estou a sugerir alternativas para saires dela) "... achas que já não tentei mudar o empréstimo?? Se me arranjares dinheiro para pagar os 2% por ser taxa fixa, ou conseguires que o avaliador avalie a casa pelo mesmo valor do ano passado, amanha arranjo varios bancos para fazer transferencia.

Se concordas que os bancos deviam facilitar, não entendo porque ... bem, não vale a pena.

Mais uma coisa, não venho "chorar sobre o leite derramado"!! Irrita-me é que certas pessoas que não têm problemas venham para aqui dizer aos outros que têm que se sujeitar às coisas, porque existe sempre um meio de mudar as coisas que estão mal. O que é preciso é, encontrar a pessoa/instituição certa para nos ajudar. Ou a resposta certa que nos ajude, que é o que se procura aqui. Mas, responderem "se não tá satisfeito procure outro banco e faça transferencia, senão, sujeite-se ao contrato que assinou"... desculpem, mas que grande "porcaria" de resposta.

Fica bem.

Paulo

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Peço desculpa pela intromissão, mas como participante neste fórum não podia deixar passar isto em branco. Não vou usar aspas, pois, o que vou escrever quer dizer exactamente o que está escrito.

Isto é um fórum e quando aqui se coloca uma questão/problema tem que se ter capacidade para se ler e, partindo do princípio que todos somos adultos, aceitar ou não. Não foi nada delicado o comentário que o Sr. Pacarvalho escreveu.

Não estou a responder pelo Pauloaguia, ele responderá com certeza. Estou a responder como participante neste espaço, que já me aconselhou muitas vezes e, por que não dizê-lo, eu também já ajudei algumas (poucas) vezes.

Às vezes quando estamos com problemas o que queremos é encontrar alguém que nos ajude. Até compreendo. Para isso acontecer é preciso alguma humildade e estar receptivo à opinião dos outros, mesmo que não seja a nossa. Caso contrário ninguém ajuda, até desperta reacções contrárias.

Sr.Pacarvalho, relei-a o que escreveu e facimente reconhecerá que se excedeu.

Cumprimentos,

m.elis

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Grandes dicas que dás, quando dizes "(até te estou a sugerir alternativas para saires dela) "... achas que já não tentei mudar o empréstimo?? Se me arranjares dinheiro para pagar os 2% por ser taxa fixa, ou conseguires que o avaliador avalie a casa pelo mesmo valor do ano passado, amanha arranjo varios bancos para fazer transferencia.

Não tinhas referido nada disso, como é que eu posso adivinhar? Peço desculpa se pareci um pouco arrogante na minha mensagem anterior, mas não foi essa a intenção. Relendo-a percebo que talvez possa ser considerada um pouco excessiva em algumas frases, mas no essencial mantenho o que disse.

Mais uma coisa, não venho "chorar sobre o leite derramado"!! Irrita-me é que certas pessoas que não têm problemas venham para aqui dizer aos outros que têm que se sujeitar às coisas, porque existe sempre um meio de mudar as coisas que estão mal. O que é preciso é, encontrar a pessoa/instituição certa para nos ajudar. Ou a resposta certa que nos ajude, que é o que se procura aqui. Mas, responderem "se não tá satisfeito procure outro banco e faça transferencia, senão, sujeite-se ao contrato que assinou"... desculpem, mas que grande "porcaria" de resposta.

A mim também me irrita que algumas pessoas achem que não lhes deram a resposta certa só porque não era a que queriam ouvir, mas tento acalmar-me antes de responder na mesma moeda. :-X

Mas, já agora, se descobrires outra resposta que não seja o "se não tá satisfeito procure outro banco e faça transferencia, senão, sujeite-se ao contrato que assinou" (ao que acrescento "continua a insistir na renegociação com o banco", que também tentei passar na mensagem anterior) então, por favor, não te esqueças de nos informar também - eu, pelo menos, estou sempre disposto a aprender mais alguma coisa  ;)

Mais uma vez, peço desculpa por algum eventual mal-entendido...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Caro Nuno, eu infelizmente assinei o contrato sem ligar à taxa fixa, mas sim ao spread, sem pensar no futuro, a unica coisa que tinha em mente é que ia para melhor naquele momento. Infelizmente não sou o unico, isto se passa com milhares de pessoas que não entendem bem o funcionamento de taxas e etc..  que acreditam no que é dito pelo funcionario do banco sem pensar nas consequencias do depois.

Claro que agora já não caio noutra porque com este site estou mais entendido neste assunto.

Vá lá, teve sorte, imagine que o funcionario do banco lhe tinha feito assinar um testamento para lhe deixar os seus bens todos...

Aquilo que EU faço por norma e aconselho sempre a fazer é ninguém se meter em algo que não sabe minimamente como funciona. Se tinha dúvidas sobre como funcionavam as taxas podia sempre procurar essa informação. Mas se calhar, como em muitas outras situações que todos nós já passamos, confiamos plenamente no sr de gravata e todo sorridente do outro lado do balcão e nem nos questionamos sobre o porque de ser assim.. Tal mal, é algo que temos que mudar, e é por causa disto que o pais está como está, com as familias endividadas e com graves problemas sociais.

Portanto, erro 1 - Não se ter informado correctamente do que estava a contratar com um prazo de MUITOS anos..

Mas, será correcto culpar as pessoas "ignorantes" na matéria de taxas/spreads/etc..???  não concordo que os superentendidos na materia de taxas e afins achem que as pessoas que não entendem sobre esses assuntos devem assumir o facto de terem assinado um contrato que mal entendem... Para mim, isto é parecido com aqueles vigaristas que apanham algumas pessoas e as enganam para lhes sacar o dinheiro.

Ao assinar um contrato está a dizer que concorda com tudo, se assina a dizer que concorda, aos olhos da lei está implicito que entende..

Acho é engraçado dizer que são vigaristas porque o senhor não entendia como funcionavam as taxas...

É como o outro, não sou eu que estou em contra mão, eles é que vem todos ao contrário.. :D

E será correcto compararmos uma instituição com uma pessoa, ao se fazer um acordo?? Estarão os dois ao mesmo nivel?? Eu concordo que se fizesse um acordo com outra pessoa (em vez de uma instituição) teria que seguir o acordado, mas, com uma instituição!!!

Claramente que sim, um contrato é um contrato.. no entanto, nada impede que tente junto do instituição alterar as condições do contrato, apresentando propostas de outros bancos (que hoje em dia pagam praticamente todas as despesas) ou até mesmo sendo insistente para a mudança para taxa variavel, houve quem o conseguisse, por isso é sempre possivel.

Conforme tinha dito, aceito que haja consequencias para se mudar um contrato, mas não "roubar" tanto.

Acham correcto se pagar de renda 200eur a mais relativamente ao mercado!!?? [

Por mais que digam que eles estão certos, eu não concordo.

No entanto, não se esqueça que pelo que diz paga 200€ a mais do que o resto do mercado, apesar de nao concordar consigo, pois há pessoas que pagam esses 200€ a mais e não se queixam porque "jogaram na sorte" e assinaram um compromisso de manutenção de taxa durante bastante tempo, pode sempre fazer as contas e se calhar até lhe compensava pagar os 2% de penalização ou o valor que eventualmente lhe estão a pedir para alteração do contrato, pois não pode deixar de pensar que cada mes que passa são 200 € que não poupa. Mas depois quando a taxa variavel lhe for desfavoravel, p.f. não reclame nem lhes chame ladrões ou gatunos..

Mas continuo a afirmar, reclamava também se tivesse a pagar MENOS 200€ do que o resto do mercado ?? Não pois não, então mas afinal quem é que tá a enganar quem aqui que eu ainda não entendi bem ???

Eu não digo que eles estão certos, apenas digo que o senhor está errado, principalmente na sua forma de pensar...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde, aqui vai a resposta um pouco tardia por não ter sido possível antes, que será insignificante para vós mas para mim não, por isso :

Srº m.elis, para começar digo-lhe que acho este forum um dos sites mais importantes da Internet porque fala-se aqui dos assuntos mais sérios da vida das pessoas, e penso que a importância deste fórum é tal que quem responde deve ter cuidado das respostas que dá, porque acho muito mau dar respostas tipo “ ninguém lhe apontou uma pistola para assinar” ou “agora que assinou tem que se sujeitar” ou “não venham para aqui chorar o leite derramado”,etc,etc… Isto porque muitas das pessoas estão irritadas pela situação que se encontram do qual vêm procurar ajuda aqui, e aquele tipo de respostas acho que não ajuda em nada, fazendo até o efeito contrário. E por isso devo ter-me excedido em algumas respostas que escrevi conforme você acha. Mas, Srº elis, se você concorda que se deve dar aquele tipo de respostas a quem pede ajuda, então temos ideias diferentes quanto a forma de respeitar os outros.

Srº  pauloaguiar, (embora o srº m.elis tenha achado que só eu fui excessivo) agradeço o facto do seu pedido desculpas, e também eu lhe peço desculpa pela forma que lhe respondi… Conforme previa, depois de apresentar uma carta, o Barclays não aceita a renegociação, querendo que continue a pagar mais de 200eur relativamente a outros empréstimos do mesmo valor, ou então terei de pagar cerca 2600eur para alterar de empréstimo. Acham normal, eu não acho (mas, como alguns dizem, tenho de me sujeitar...) Estou a tentar fazer transferência, mas só em pensar que tenho de pagar os 2600eur+1500eur de escrituras de transferência, já me dá um nó na barriga (mas, como alguns dizem, tenho de me sujeitar...)  Pelo que eu sei muita gente está com este problema, porque fizeram taxas fixas e agora não conseguem fazer transferência porque têm de suportar as despesas e além disso a avaliação das casas não é a mesma pq só aceitam 80% da avaliação. Caro pauloaguiar, quando acabar esta “novela”  :) digo-lhe o que aconteceu.

Srº Nuno, você diz que

Vá lá, teve sorte, imagine que o funcionario do banco lhe tinha feito assinar um testamento para lhe deixar os seus bens todos...  “... estão a ver o tipo de resposta que podia ser evitado aqui!!!

Aquilo que EU faço por norma e aconselho sempre a fazer é ninguém se meter em algo que não sabe minimamente como funciona.” ....Se fosse assim, provavelmente mais de 50% das pessoas não pediam empréstimos. Posso lhe dizer que já recusei assinar uma escritura porque não batia certo o acordado, por isso não me considero tão ignorante na materia, mas provavelmente não sou tão inteligente como você. Conheço muita gente muito inteligente numas coisas e noutras coisas são... 

De resto, é a sua opinião…

Cumprimentos

Paulo

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Concordo em absoluto que não se utilizem aquelas expressões que pacarvalho mencionou ou outras do género. Porque é bem verdade que não é esse tipo de ajuda que alguém espera quando coloca uma dúvida. Por isso ou dá-mos a nossa opinião da forma que sabemos, ou sobre a nossa lógica de raciocínio ou então devemos abster-nos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sr. Paulo

O seu problema é um problema de atitude, não é um problema de respostas.

Se tivesse chegado aqui dizendo, "fiz burrice, não sabia o que estava a assinar e agora tou preso a isto" ou se tivesse sido um pouco mais humilde talvez as respostas fossem diferentes.. Compreendo a sua indignação e se tivesse na sua posição se calhar estava tão ou mais indignado, mas daí a chamar vigarista às pessoas é que já me pareceu demais.

Sinceramente e voltando ao seu problema, não vejo como se pode livrar disso, o banco tem-o na mão e sabe disso, acho que vai ter mesmo que aguardar pela revisão da taxa e esperar que seja baixinha... Experimente perguntar no banco o que poderia fazer com que o banco aceitasse passar para euribor, contratação de algum serviço ou assim, talvez o banco ceda aí..

Desejo-lhe boa sorte com o assunto..

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0