Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
Rodrigo Fonseca

Quem deduz o iva nos falsos recibos verdes?


4 publicações neste tópico

Boa tarde,

Tenho uma duvida que gostava de ver esclarecida (se assim o souberem).

Infelizmente sou um falso recibo verde, ou seja, tenho um patrão.

Atualmente recebo 900 euros por mês (10.800€) anuais. A minha duvida é: Quem deve pagar o IVA? Sou eu, que dos 900 mensais deduzo o iva, ou tenho que cobrar isso ao meu patrão?

No caso de cobrar, serão 23% sobre o valor de 900 euros ? (1.107€) mensais? Seria isto que teria de colocar no meu recibo mensal para deduzir esse valor posteriormente?

Sou completamente novo no pagamento deste imposto (e não faço ideia como se processa) mas isso tratarei de fazer uma pesquisa. Contudo estou em duvida quanto a quem paga o iva.

 

Obrigado!

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A fazer tudo devidamente, deve liquidar (cobrar) IVA à entidade contratante, que lhe pagará então os €900/mês + IVA. Depois o Rodrigo terá de entregar esse IVA ao Estado, fazendo a declaração períodica de IVA e pagando o respectivo valor. Por seu lado, a entidade contratante, se tiver direito à dedução do IVA, poderá deduzir o IVA pago na respectiva declaração periódica. Entre sujeitos passivos, o IVA acaba por ser neutro.

1

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Aqui funcionará @Pedro Pais a situação que o Rodrigo ao cobrar IVA ao "cliente" poderá o Rodrigo deduzir as despesas que têm com o exercicio dessa actividade? Estou a pensar em combustive ou alimentação por exemplo? Ou é uma ideia parva?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
há 2 horas, master-chief disse:

Aqui funcionará @Pedro Pais a situação que o Rodrigo ao cobrar IVA ao "cliente" poderá o Rodrigo deduzir as despesas que têm com o exercicio dessa actividade? Estou a pensar em combustive ou alimentação por exemplo? Ou é uma ideia parva?

Se liquidar IVA terá em geral direito à dedução do IVA suportado nas aquisições de bens e serviços afectos à actividade. Há contudo que atender ao art. 21.º do CIVA (exclusões do direito à dedução).

1

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

  Only 75 emoticons maximum are allowed.

×   Foi criada uma pré-visualização automática a partir da ligação que colocou.   Mostrar apenas como ligação

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0