Visitante Zé Visitante

anexo g Preenchimento do Anexo G IRS - AJUDA


2 publicações neste tópico

Boa noite,

Estou a tentar preencher o anexo G e isto tem sido um pesadelo pois não quero fazer nada errado e de seguida ter as finanças à perna.

Este ano a minha mulher herdou uma casa em conjunto com a irmã, ficando portanto com 50%. O valor patrimonial tributário é cerca de 126.500€ e o valor de venda é 140.000€.

Como devo preencher o quadro 4 do Anexo G?

Dúvidas principais:

1. Coloco 50% do valor de aquisição e de realização uma vez que a cota parte é essa ou coloco o valor total?

2. Nas despesas posso incluir IMT, IMI, obras de melhoria da casa, certificado energético?

3. É preciso fazer alguma referência ao contribuinte com os restantes 50%?

4. Após a venda foi necessário saldar o crédito bancário a rondar os 100.000€, isto é irrelevante para o preenchimento?

5. O valor de aquisição é o valor patrimonial tributário no momento da transmissão por herança certo?

 

Obrigado desde já pela ajuda.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
A 5/13/2016 at 22:09, Visitante Zé Visitante disse:

Estou a tentar preencher o anexo G e isto tem sido um pesadelo pois não quero fazer nada errado e de seguida ter as finanças à perna.

Este ano a minha mulher herdou uma casa em conjunto com a irmã, ficando portanto com 50%. O valor patrimonial tributário é cerca de 126.500€ e o valor de venda é 140.000€.

Como devo preencher o quadro 4 do Anexo G?

A aquisição (ou herança, já agora) de um imóvel não obriga à declaração no anexo G. A transmissão do imóvel para outrem (venda, doação, etc) é que sim... Mas como a seguir falar em venda, numa das questões, vou assumir que a casa foi vendida, depois de ser herdada...

A 5/13/2016 at 22:09, Visitante Zé Visitante disse:

1. Coloco 50% do valor de aquisição e de realização uma vez que a cota parte é essa ou coloco o valor total?

Devem ser colocados os valores totais. O fisco faz as contas ao considerar os 50%.

A 5/13/2016 at 22:09, Visitante Zé Visitante disse:

2. Nas despesas posso incluir IMT, IMI, obras de melhoria da casa, certificado energético?

IMI não. Obras de valorização sim (eu diria que pintar paredes não é valorização; fazer uma divisão nova já sim). IMT pago na altura da aquisição e o certificado energético pago para poder vender a casa são dedutíveis. 

A 5/13/2016 at 22:09, Visitante Zé Visitante disse:

3. É preciso fazer alguma referência ao contribuinte com os restantes 50%?

Não

A 5/13/2016 at 22:09, Visitante Zé Visitante disse:

4. Após a venda foi necessário saldar o crédito bancário a rondar os 100.000€, isto é irrelevante para o preenchimento?

Se a casa vendida era habitação própria e permanente, e se o dinheiro tiver sido reinvestido na compra ou melhoria de uma habitação própria e permanente pode ser relevante, sim.

A 5/13/2016 at 22:09, Visitante Zé Visitante disse:

5. O valor de aquisição é o valor patrimonial tributário no momento da transmissão por herança certo?

Certo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead