queijolas

Crédito Habitação

12 publicações neste tópico

Boas a todos!!

Vou futuramente fazer um crédito habitação e o que gostaria de saber, é se o banco depois do crédito ser aprovado, tranfere o dinheiro para a minha conta ou vai para o vendedor aquando da escritura??

Será que posso englobar no total do crédito algum montante para comprar móveis e o banco adiantá-lo assim que o peça??

Que despesas irei ter até ao dia da escritura e no próprio dia que não estarão incluidas no montante total do crédito??

Cumps... e Feliz Páscoa

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nesta altura do campeonato os bancos andam a cortar nas avaliações e mesmo assim não dão a totalidade do valor da avaliação, por isso acho dificil que lhe emprestem mias algum para móveis, carro, etc.

Melhor conversar bem no banco e perguntar detalhadamente quais vão ser os encargos com escritura, IMT, seguros, etc, etc,

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas a todos!!

Vou futuramente fazer um crédito habitação e o que gostaria de saber, é se o banco depois do crédito ser aprovado, tranfere o dinheiro para a minha conta ou vai para o vendedor aquando da escritura??

Será que posso englobar no total do crédito algum montante para comprar móveis e o banco adiantá-lo assim que o peça??

Que despesas irei ter até ao dia da escritura e no próprio dia que não estarão incluidas no montante total do crédito??

Cumps... e Feliz Páscoa

Boas

Pode fazer transferência ou passar cheque ficando sempre o registo na tua conta embora esteja bloqueado para esse pagamento ao vendedor. Em relação a pedir um 2º crédito para outras coisas depende muito da avaliação mas tudo o que seja pedido acima de 80% da avaliação agrava substancialmente o spread.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Muito obrigado pelas respostas!!

Os encargos da compra de uma habitação (escritura, IMT, etc), são pagos à parte ou estão incluidos no emprestimo pedido ao banco??

Cumps!!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

São pagos à parte.

Repara que já tens que ter o IMT pago quando fores fazer a escritura, não te esqueças disso pois é muito importante!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Normalmente na simulação vem as despesas que vais ter com o crédito.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas,

Qual a taxa Euribor que me aconselham??

Fiz uma simulação no BCP e quanto aos encargos com o imóvel, estão incluídos... é normal???

4. Taxa Anual Efectiva

TAE 4,315% (Esta taxa inclui os encargos mencionados nos Pontos 10 e 11)

10. Custos Adicionais não Recorrentes

Comissões do Banco 520,00 €

Comissão de Avaliação 195,00 €

Comissão de Dossier

(Acresce Imposto do Selo à Taxa em vigor) 260,00 €

Comissão Processamento Registos Prediais

(Acresce IVA à Taxa legal em vigor) 65,00 €

Escritura 2.418,11 €

Compra e Venda 11º, nº1, a) 234,71 €

Mútuo com Hipoteca 11º, nº1, c) 143,20 €

Bens descritos 11º, nº2 24,30 €

Selagem do Contrato 25,00 €

2 Cópias (custo mínimo estimado das Certidões com

14 páginas). 110,90 €

Imposto do Selo da Compra e Venda 1.880,00 €

Registos 500,00 €

Registo Aquisição e Hipoteca 500,00 €

Imposto 8.828,94 €

Imposto do Selo de Abertura de Crédito 1.200,00 €

Imposto Municipal sobre Transmissões 7.628,94 €

As Comissões do Banco são indicativas e sujeitas a alterações:

- Comissão de Dossier - Apenas no caso de aprovação do empréstimo, independentemente da sua efectiva contratação.

- Despesas de Avaliação - Caso o Serviço seja prestado, independentemente da concessão efectiva do empréstimo.

- Comissão Processamento Registos Prediais - Após a concessão efectiva do empréstimo

Os restantes custos são estimados e meramente indicativos.

A introdução de quaisquer actos não previstos na simulação, designadamente a introdução de fiadores na operação, a alteração do valor patrimonial, averbamentos ao

registo, ou outros, determinará a correspondente alteração dos custos emolumentares estimados.

Os actos enumerados no artigos 10º a 13ª da actividade notarial tem valores máximos, sendo de custo livre os demais actos ou serviços praticados pelos notários no âmbito

da sua competência.

11. Custos Adicionais Recorrentes

Comissão de Processamento (Mensal)

(Acresce Imposto do Selo à Taxa em vigor) 1,30 €

Vida Risco Crédito Habitação (Mensal) 48,95 €

Protecção Casa - Base (Mensal) 14,63 €

Prémio do Seguro de Vida - O prémio a suportar pelo Cliente é calculado em função da opção do seguro, da idade actuarial de cada Pessoa Segura, do capital do

empréstimo e da análise de risco feita pela Seguradora, sendo actualizado anualmente de acordo com a variação dos dois primeiros factores.

Prémio do Seguro Multirriscos Habitação - O Prémio a suportar pelo Cliente é calculado em função do capital seguro e da análise de risco feita pela Seguradora, sendo

actualizado anualmente de acordo com os índices oficiais publicados pelo Instituto de Seguros de Portugal.

O Banco mutuante indicado no Ponto 1 é a entidade credora dos Seguros, e o no caso do Seguro de Vida, seu beneficiário irrevogável, na parte relativa ao Capital em

dívida.

Os prémios são indicativos e estimados de acordo com os valores introduzidos na simulação para avaliação e financiamento, e referem-se a pagamentos mensais, acrescendo

no primeiro recibo o custo de €5 por cada apólice.

Esta simulação é válida para a data, valores e condições indicadas, não constituindo garantia da concessão de crédito.

A Comissão de Processamento (pode sofrer alterações no decorrer do empréstimo) é cobrada pelo débito de cada prestação do empréstimo. Acresce Imposto do Selo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Qual a taxa Euribor que me aconselham??

Fiz uma simulação no BCP e quanto aos encargos com o imóvel, estão incluídos... é normal???

Pessoalmente eu optaria pela taxa a 3 meses, uma vez que acompanha melhor o mercado. Mas se o que te interessa e´ a estabilidade da prestaçao, entao talvez seja melhor considerares a Euribor a 6 meses ou mesmo 1 ano.

Se por encargos com o imovel te referes ao preço da escritura, impostos, etc entao isso e´ normal - e´ para saberes com o que contar para alem do preço da casa propriamente dita...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde.

Estou a pensar um imóvel da Imocaixa (agência do grupo CGD que vende imóveis de crédito mal-parado).

Hoje fiquei a saber que há mais uma pessoa interessada no mesmo imóvel que eu e que vai ser venda por concurso.

Alguém tem conhecimento/experiência deste tipo de situações que me possa dar alguns conselhos?

A gestora comercial que me ligou, falou-me por alto das características da proposta que terei que apresentar a concurso, mas depois vai enviar-me uma minuta "oficial" da apresentação de propostas.

Entre outras coisas falou-me que depois da administração escolher o "vencedor" do concurso, que 2 a 3 semanas depois é assinado o contrato promessa compra e venda. Não sei se poderei ou não exigir a existência de algumas cláusulas neste contrato, nomeadamente a cláusula de "não penalização ou não pagamento de indemnização no caso de não compra da casa devido a não concessão de crédito por entidade bancária".

Gostava de adquirir a casa que fui ver, mas estou com algum receio em relação ao processo de compra/venda da casa.

Além disso, para conseguir o crédito, terei que apresentar o IRS 2008, mas como tive recibos verdes em 2008, só vou submeter agora o meu IRS, e para pedir o crédito, tenho que apresentar o IRS e respectiva nota de liquidação. Será que 120 dias entre a assinatura do contrato compra e venda e a escritura são suficientes para chegar a nota de liquidação e pedir o crédito?

Desde já muito obrigado a quem me responder.

Liliana Sobral

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Entre outras coisas falou-me que depois da administração escolher o "vencedor" do concurso, que 2 a 3 semanas depois é assinado o contrato promessa compra e venda. Não sei se poderei ou não exigir a existência de algumas cláusulas neste contrato, nomeadamente a cláusula de "não penalização ou não pagamento de indemnização no caso de não compra da casa devido a não concessão de crédito por entidade bancária".

Sinceramente, se achas que existe essa possibilidade talvez o melhor seja não te meteres no negócio - em princípio os bancos só te recusarão o crédito se acharem que não tens posses para o pagar. De qualquer forma podes perguntar primeiro em dois ou três bancos quais as tuas hipóteses, com base no valor estimado do imóvel. E, já agora, qual o limite de crédito que podes pedir (e nem te atrevas a propor mais do que isso no concurso).

Podes também ver se te arranjam o esboço do contrato promessa, quem sabe? Mas nesse tipo de negócios costuma haver penalizações para quem desiste, pois teria que se fazer o processo todo outra vez e isso tem custos...

Além disso, para conseguir o crédito, terei que apresentar o IRS 2008, mas como tive recibos verdes em 2008, só vou submeter agora o meu IRS, e para pedir o crédito, tenho que apresentar o IRS e respectiva nota de liquidação. Será que 120 dias entre a assinatura do contrato compra e venda e a escritura são suficientes para chegar a nota de liquidação e pedir o crédito?

Se esperas receber reembolso de IRS, este ano o fisco vai despachar isso até 1 mês depois do fim do prazo de entrega. Parece ser mais do que suficiente. Senão, só lá para Agosto é que recebes isso. Mas não lhes bastará o comprovativo de entrega depois da validação central?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Desde já o meu obrigado pela sua resposta.

Em relação à primeira questão a que me respondeu, já fiz simulação na CGD para o valor de avaliação imóvel pela Imocaixa (e neste caso dispensa avaliação do banco, pois são do mesmo grupo e esta condição faz parte do protocolo entre eles, ou seja se eu comprar da Imocaixa e fizer crédito pela CGD, dispensa nova avaliação e o valor é o apresentado pela Imocaixa para a venda) e seria "concedido" sem qualquer problema --- a contar com o IRS de 2008... (e apresentaram-me um spread de 1%... será muito alto?)

Em relação à segunda questão, também me parece que os 120 dias são suficientes, mas mesmo por ter noção de que existem penalizações para quem desiste, é que tenho algum receio em relação aos prazos...

Pelas minhas contas... se fizer o IRS este fim-de-semana, mais ou menos daqui a um mês deve chegar a nota de liquidação... e como vou pagar uma PIPA de massa ao estado, suponho que não se atrasem muito a enviar a Nota de Liquidação... Mas pronto, quem nunca se meteu numa destas tem sempre receio... e se enviarem daqui a um mês, ainda tenho 3 meses para pedir o crédito e este ser aprovado... o que eu acho que é suficiente.

Mas agradeço as respostas que me deu, pois ajudaram-me a "repensar" a situação.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia.

Preciso de uma opinião sobre prazos.

Pretendo adquirir uma casa mas ainda não pedi o crédito habitação, pois estou à espera na Nota de Liquidação do IRS para fazer o pedido do crédito.

Sei que entre o contrato promessa compra e venda, existe um prazo de 120 dias para a assinatura da escritura.

E se me decidir por uma casa X, o contrato promessa compra e venda será assinado por volta da segunda semana de Maio.

Será que o prazo dos 120 dias é suficiente?

É que submeti a declaração do IRS no dia 18 de Abril --- não sei quanto tempo demora até vir a Nota de Liquidação... 1 mês, 2 meses?

E depois de vir a Nota de Liquidação para poder pedir o crédito --- não sei quanto tempo demoram os bancos a dar uma resposta positiva ou negativa ao pedido (já fiz a simulação e a resposta será quase de certeza positiva). Demoram 1 mês?

E depois do crédito aprovado? Quanto tempo demora tratar de toda a papelada associada à escritura? Tenho noção que são necessários uma série de registos e documentos... mas não sei quanto tempo demora a que estejam "tratados". Ou será que por ser uma casa da Imocaixa (que dispensa avaliação e tratam de tudo relacionado com a escritura, que se processa mais rapidamente?)

Não sei se um prazo de 120 dias é suficiente para tudo... neste caso, desde a segunda semana de Maio até à segunda semana de Agosto...

Gostava que alguém me desse a sua opinião.

O meu obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead