hats

Encerramento de conta bloqueada e cobrança de despesas de manutenção


6 publicações neste tópico

Boas,

Sou novo por aqui. Andava a pesquisar sobre o assunto e descobri este forum. Espero que me possam ajudar nesta situação.

Sou titular de uma conta desde pequeno em conjunto com o meu pai. Era a conta das poupanças de criança e na qual fiz um empréstimo bancário universitário.

Acabada a universidade e assim que arranjei emprego, juntei o necessário e paguei por inteiro o valor do empréstimo em falta. Deixei a partir desse momento de usar a conta com a frequência que usava (por questões profissionais tive que passar a trabalhar com outro banco). Acontece que uma vez que deixei de estar na universidade e fiz mais de 28 anos passaram a cobrar comissões pelo cartão de crédito. Quando apercebi-me da situação, já tinha a conta a com saldo negativo e tive que regularizar a situação. Efectuei o pagamento dos valores em dívida e avancei com um pedido de cancelamento/encerramento da conta.

Infelizmente nessa altura, o meu pai ainda era co-titular da conta e atravessava algumas dificuldades financeiras, tendo a conta sido bloqueada por ordem das finanças (informação avançada pela entidade bancária).

No momento do pedido de encerramento da conta, foi-me dada essa informação e que por esse motivo a conta não poderia ser encerrada. Eu disse que compreendia a situação, mas que queria reiterar a minha vontade de terminar a minha relação com a entidade bancária e encerrar a conta. Pedi um documento que formalizasse e comprovasse a liquidação dos valores em dívida, e que servisse de prova do pedido de encerramento. O pedido foi aceito e assinei então o documento do respectivo tendo-me sido entregue uma copia. Nesse mesmo momento, todos os cartões de crédito que possuía foram destruídos na presença do funcionário.

Entretanto a situação do meu pai ficou regularizada e a conta desbloqueada e pensava eu que estivesse tudo ok.

Muito me enganava... Segundo soube, passado cerca de ano e meio, a conta ainda continua activa. Tive que me deslocar ao balcão e dizem-me que tenho que fazer um novo pedido de cancelamento, e que para que a conta seja encerrada devo liquidar o valor em dívida relativo a comissões, anuidades do cartão e valores de juros. Pedem-me mais de 350€.

 

É isto legal? Não deveria o meu pedido de encerramento inicial ter validade?

Se o aceitaram, e os cartões destruídos naquele momento, qual a legitimidade de agora quererem cobrar despesas e juros pela conta?

Ainda não efectuei o pagamento, mas alertaram-me que quanto mais tempo demorar mais vou pagar de juros...

 

Se alguém me poder dar alguma indicação da legalidade disto, fico agradecido.

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Relata a situação no livro de reclamações. O Banco de Portugal dará a sua opinião relativamente à legalidade...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Muito obrigado, pauloaguia pela sua sugestão... Estive a ler com atenção o link que indicou. No decorrer do texto é indicada a forma de como efectuar a reclamação:

" A reclamação pode ser apresentada através do preenchimento de folha(s) do Livro de Reclamações que todas as instituições de crédito, sociedades financeiras, instituições de pagamento ou instituições de moeda eletrónica são obrigadas a disponibilizar aos seus clientes. O cliente pode também apresentar a reclamação diretamente ao Banco de Portugal, por carta ou através de formulário próprio. "

Não encontrei foi o tal formulário para a reclamação (é um formulário online?!). Posso supor que se preencher a reclamação no próprio livro de reclamações da entidade bancária o processo depois siga para o Banco de Portugal analisar? Ou será melhor enviar carta para o BP?

 

De qualquer maneira, se alguém conhecer caso semelhante, ou saiba como se processam estas situações e poder ajudar, fico agradecido.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Muito obrigado, pauloaguia pela sua sugestão... Estive a ler com atenção o link que indicou. No decorrer do texto é indicada a forma de como efectuar a reclamação:

" A reclamação pode ser apresentada através do preenchimento de folha(s) do Livro de Reclamações que todas as instituições de crédito, sociedades financeiras, instituições de pagamento ou instituições de moeda eletrónica são obrigadas a disponibilizar aos seus clientes. O cliente pode também apresentar a reclamação diretamente ao Banco de Portugal, por carta ou através de formulário próprio. "

Não encontrei foi o tal formulário para a reclamação (é um formulário online?!). Posso supor que se preencher a reclamação no próprio livro de reclamações da entidade bancária o processo depois siga para o Banco de Portugal analisar? Ou será melhor enviar carta para o BP?

 

De qualquer maneira, se alguém conhecer caso semelhante, ou saiba como se processam estas situações e poder ajudar, fico agradecido.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
há 56 minutos, hats disse:

Não encontrei foi o tal formulário para a reclamação (é um formulário online?!). Posso supor que se preencher a reclamação no próprio livro de reclamações da entidade bancária o processo depois siga para o Banco de Portugal analisar? Ou será melhor enviar carta para o BP?

É estranho, porque há um link para ele mesmo do lado esquerdo daquela página...

Seja no livro físico, seja no formulário online os bancos são obrigados a enviar a reclamação para o BdP, sim. A vantagem de usar este método em vez de enviar uma carta direta é que às reclamações o BdP é obrigado a responder... não que não respondesse a uma carta direta, mas desta forma é garantido...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Lapso meu... Existe sim senhor.

O link directo é este: http://clientebancario.bportugal.pt/pt-PT/Reclamacoes/Paginas/Formulariodenovareclamacao.aspx

Durante a próxima semana tentarei passar por um balcão de atendimento e expor de novo a situação. Se vir que não conseguem justificar, para além do "têm que pagar", que me foi dado até agora, irei efectuar a reclamação via formulário online.

Obrigado, mais uma vez pelo seu tempo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead