pusched

Mais-valias por herança de uma casa


19 publicações neste tópico

Ola,

Como e muito dificil conseguir uma resposta das financas, gostaria de saber se alguem me pode ajudar com uma informacoes.

Sai de Portugal a mais de 10 anos quando ainda era teenager. Infelizmente a minha avo faleceu a uns anos e o meu pai passou a casa dela para meu nome.

Estive a alugar a casa mas estou a pensar vender e gostaria de saber como iria ser os custos de IRS sobre mais-valias.

As mais-valias e a diferenca do preco de venda contra o preco de compra nao e? Mas como e, se a casa foi heranca? Vai pelo preco que as financas dao com o IMI todos os anos?

Por exemplo, se eles dizem que o valor e 50,000 e eu vendo por 75,000 tenho que pagar IRS (28%) em 25,000? Posso descontar o custo da imobiliaria (5000+IVA=6150)?

Agradeco qualquer ajuda.

Cumprimentos,

Karen

 

 

 

 

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É relativamente ao valor porque a casa estava avaliada na altura em que foi herdada e ajustado pelo coeficiente de atualização.

Podes deduzir ainda os custos com a aquisição (registo e IMT) e os custos com a imobiliária, sim.

Só são tributados 50% das mais-valias obtidas pelas linhas anteriores. Mas não é como as rendas que têm uma taxa fixa - normalmente a taxa aplicada é a do escalão de IRS que for apurado depois de englobadas todas as despesas, mas não sei se há alguma taxa especial para não residentes...

1

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É relativamente ao valor porque a casa estava avaliada na altura em que foi herdada e ajustado pelo coeficiente de atualização.

Podes deduzir ainda os custos com a aquisição (registo e IMT) e os custos com a imobiliária, sim.

Só são tributados 50% das mais-valias obtidas pelas linhas anteriores. Mas não é como as rendas que têm uma taxa fixa - normalmente a taxa aplicada é a do escalão de IRS que for apurado depois de englobadas todas as despesas, mas não sei se há alguma taxa especial para não residentes...

Obrigada Paulo.

O valor que estava avaliada na altura e o que esta no imposto de selo sobre valor declarado do bem? Ou vai pelo valor patrimonial tributario?

Onde poso ver o coeficiente de atualização? Desculpe mas nao percebo nada disto.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, é o valor que está no imposto de selo...

Quanto aos coeficientes de atualização, só lá mais para o fim do ano serão conhecidos os que se aplicam aos imóveis vendidos este ano. Mas fica aqui a lista do ano passado, dá para ficares com uma ideia: http://multigestao.com/novos-coeficientes-de-desvalorizacao-de-moeda-2015/

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, é o valor que está no imposto de selo...

Quanto aos coeficientes de atualização, só lá mais para o fim do ano serão conhecidos os que se aplicam aos imóveis vendidos este ano. Mas fica aqui a lista do ano passado, dá para ficares com uma ideia: http://multigestao.com/novos-coeficientes-de-desvalorizacao-de-moeda-2015/

Wow Ok obrigada. Tem uma diferenca de 20,000 euros do valor e do VPT do ano passado. Isso quer dizer que se eu desse o apartamento para alguem de familia o valor no imposto de selo seria o VPT ou o valor do imposto de selo, vai ser sempre o mesmo?

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Afinal estamos a falar de mais valias ou de doações? :huh:

 

Se deres o apartamento a alguém hoje, o imposto de selo que essa pessoa tem de pagar vai ser pago com base no valor patrimonial dele hoje.

Se venderes o apartamento, o imposto de selo que o comprador tem de pagar vai ser pago com base no valor patrimonial dele hoje ou com base no valor por que o compra (dependendo qual dos dois é o maior); as mais valias são calculadas subtraindo o valor da venda ao valor que ele tinha na altura em que foi comprado e sobre o qual foi pago o imposto de selo nessa altura.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Afinal estamos a falar de mais valias ou de doações? :huh:

Estou a tentar ver a melhor maneira de nao perder dinheiro :/ Ainda estou em duvida se continuo a lugar ou tento vender.

Quando a minha avo faceleu em 2011 paguei o imposto de selo, o valor da casa era de 29500, o IMI do ano passado tem um valor de 49500. Nao sei o valor que posso vender mas imagina 80,000. Eu tenho que pagar IRS no seguinte:

80,000-29500=50500, dividido por 2, da 25250. Disto tira-se os custos da agencia e aquisição (registo e IMT), digamos cerca de 6500. Tenho que pagar 23.6% (neste momento) de 18750.

E pelo que li, se eu fizesse obras na casa, eu posso tambem descontar dos 25250. Imaginemos que gasto 10000 em obras, so tenho que pagar IRS em 8750.

Compreendi certo?

 

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Estou a tentar ver a melhor maneira de nao perder dinheiro :/ Ainda estou em duvida se continuo a lugar ou tento vender.

Então, mas dar o imóvel a um familiar não é perder o dinheiro todo?!?

E se está arrendado e está a entrar dinheiro, como é que estás a perder dinheiro? A casa está a precisar de obras, é isso?

Quando a minha avo faceleu em 2011 paguei o imposto de selo, o valor da casa era de 29500, o IMI do ano passado tem um valor de 49500. Nao sei o valor que posso vender mas imagina 80,000. Eu tenho que pagar IRS no seguinte:

80,000-29500=50500, dividido por 2, da 25250. Disto tira-se os custos da agencia e aquisição (registo e IMT), digamos cerca de 6500. Tenho que pagar 23.6% (neste momento) de 18750.

Os 29500 seriam multiplicados pelo coeficiente de desvalorização da moeda. Como o imóvel veio há posse há pouco tempo, não faz uma grande diferença mas sempre são menos um a dois milhares de euros para as mais valias...

Os encargos subtraem-se antes da divisão por 2 pois fazem parte do cálculo das mais valias... A divisão por 2 tem a ver com o facto de só serem tributados 50% das mais valias, mas isso implica calculares primeiro as mais valias e só dividir por 2 no fim.

E pelo que li, se eu fizesse obras na casa, eu posso tambem descontar dos 25250. Imaginemos que gasto 10000 em obras, so tenho que pagar IRS em 8750.

Compreendi certo?

Tirando a nota que deixei acima é isso - as obras também são subtraídas antes da divisão por 2... Se venderes a casa através de uma imobiliária podes descontar os custos com a mesma também...

Com os valores que indicaste, e assumindo um coeficiente de desvalorização de 1,5%, daria à volta de 33.550€ de mais valias e, portanto, a taxa de IRS iria incidir sobre metade desse valor...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Então, mas dar o imóvel a um familiar não é perder o dinheiro todo?!?

E se está arrendado e está a entrar dinheiro, como é que estás a perder dinheiro? A casa está a precisar de obras, é isso?

Os 29500 seriam multiplicados pelo coeficiente de desvalorização da moeda. Como o imóvel veio há posse há pouco tempo, não faz uma grande diferença mas sempre são menos um a dois milhares de euros para as mais valias...

Os encargos subtraem-se antes da divisão por 2 pois fazem parte do cálculo das mais valias... A divisão por 2 tem a ver com o facto de só serem tributados 50% das mais valias, mas isso implica calculares primeiro as mais valias e só dividir por 2 no fim.

Tirando a nota que deixei acima é isso - as obras também são subtraídas antes da divisão por 2... Se venderes a casa através de uma imobiliária podes descontar os custos com a mesma também...

Com os valores que indicaste, e assumindo um coeficiente de desvalorização de 1,5%, daria à volta de 33.550€ de mais valias e, portanto, a taxa de IRS iria incidir sobre metade desse valor...

Como nao moro em Portugal, sempre que um inquilino sai da casa, e um problema para mim porque as vezes temos que fazer pinturas, as vezes os inquilinos nao pagam, etc. A renda que entra nao e assim muito, paga as contas de ter casa e depois se ha algum problema o resto do dinheiro vai embora com passagens para ir ai tratar das coisas, etc.

Entao tamos a pensar vender mas preciso de perceber bems os custos e como fazer eles os mais baixo possivel. A casa nao precisa de muitas obras mas ficaria mais bonita com certas coisas e se posso descontar o custo, dependendo do preco de venda com e sem obras, logo posso ver a melhor opcao.

Muito obrigada pela sua ajuda a perceber como iria a funcionar com o IRS e taxas.

 

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
On 18/02/2016 at 5:19 PM, pauloaguia said:

Já agora, só mais uma achega - segundo o artigo 72º, nº1, alínea a), as mais valias imobiliárias são tributadas a 28% no caso de não residentes: http://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/informacao_fiscal/codigos_tributarios/cirs_rep/irs72.htm

 

Ola outra vez,

A venda da casa esta a correr bem mais rapido do que tava a espera. Tenho duas questoes - enquanto a casa estava alugada, eu pagava 28% de IRS, pelo que me disse em cima, isto e o caso mesmo com a venda? Irrelevante do valor a declarar?

A casa deve ser vendida no mes que vem, tenho que pagar o IRS da venda logo ou no IRS do ano que vem?

Obrigada.

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
há 12 minutos, pusched disse:

A venda da casa esta a correr bem mais rapido do que tava a espera. Tenho duas questoes - enquanto a casa estava alugada, eu pagava 28% de IRS, pelo que me disse em cima, isto e o caso mesmo com a venda? Irrelevante do valor a declarar?

Com a venda da casa podes ter de pagar imposto, sim, mas sobre as mais valias, isto é, sobre o lucro.

Ao valor da casa é deduzido o valor da compra / o valor que tinha na altura em que ficaste com a casa, devidamente atualizado para o ano atual. São ainda deduzidas as despesas com os registos da casa, impostos pagos na altura da aquisição, encargos com a venda e eventuais obras feitas no 5 anos anteriores à venda. Metade do valor obtido (a mais valia) é adicionado e tributado junto com os restantes rendimentos (ou seja, a taxa aplicada vai depender do escalão de IRS).

há 12 minutos, pusched disse:

A casa deve ser vendida no mes que vem, tenho que pagar o IRS da venda logo ou no IRS do ano que vem?

A venda da casa deverá ser declarada no anexo G da declaração de IRS a entregar no próximo ano sobre os rendimentos deste ano.

Se a casa tiver sido adquirida antes de 1989 então as mais valias não são tributadas (ou seja, o que respondi na pergunta anterior não se aplica). Ainda assim a venda deve ser declarada mas no anexo G1 nesse caso.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ok, obrigada. A casa foi comprada originalmente antes de 89 mas so ficou para mim a 5 anos.  Prontos outro problema para o ano que vem, nao e?

Temos recibos dos ultimos 5 anos, entao logo vou ver o que posso descontar.

Pensava que a sua resposta a umas semanas dizia que tinha que pagar 28% porque moro no estrangeiro mas OK, pago dependente do lucro.

 

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
há 28 minutos, pusched disse:

Pensava que a sua resposta a umas semanas dizia que tinha que pagar 28% porque moro no estrangeiro mas OK, pago dependente do lucro.

E sim, para não residentes as mais valias são tributadas a 28%. Eu é que não leio sempre os tópicos todos desde o início e tinha-me esquecido desse pormenor quando dei a primeira resposta de hoje...

De qualquer forma, tudo vai depender do valor que a casa tinha há 5 anos atrás e de por quanto vai vender. No limite, se não houver mais valias, nem haverá imposto a pagar (pelo menos por este lado). Mas a declaração continua a ser obrigatória...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
21 hours ago, pauloaguia said:

E sim, para não residentes as mais valias são tributadas a 28%. Eu é que não leio sempre os tópicos todos desde o início e tinha-me esquecido desse pormenor quando dei a primeira resposta de hoje...

De qualquer forma, tudo vai depender do valor que a casa tinha há 5 anos atrás e de por quanto vai vender. No limite, se não houver mais valias, nem haverá imposto a pagar (pelo menos por este lado). Mas a declaração continua a ser obrigatória...

Muito obrigada, ajudou-me imenso. Esta tudo percebido, so preciso e vender agora!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

Penso estar numa situação parecida com a do pusched, passo a explicar.

A minha mãe faleceu em 2014 e deixou uma casa que adquiriu jà viuva para mim e para o meu irmão.

Eu no meu caso sou emigrante em França, logo pelas suas explicações devo ter que pagar 28% sobre (valor da venda - valor patrimonial - imobiliaria) / 2

Questão: se eu aplicar a mais valia da venda da casa, na compra de uma casa, habitação propria e permanente, para mim em França continuo sugeito à mesma tributação ?

Pelo que percebi em outros foruns, a aplicação desta mais valia na aquisição/obras ... da nossa habitação propria e permanente isentava o pagamento deste imposto, preenchendo mesmo assim o IRS com o anexo G em portugal .

 

Agradeço desde jà o seu comentàrio à minha questão.

 

Nuno

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
há 40 minutos, Visitante nuno disse:

Penso estar numa situação parecida com a do pusched, passo a explicar.

A minha mãe faleceu em 2014 e deixou uma casa que adquiriu jà viuva para mim e para o meu irmão.

Eu no meu caso sou emigrante em França, logo pelas suas explicações devo ter que pagar 28% sobre (valor da venda - valor patrimonial - imobiliaria) / 2

Admitindo que vendeste a casa, sim (não referiste esse ponto :) )

Para além dos custos com a imobiliária podem ainda deduzir os custos obrigatórios com a compra e venda da casa como a escritura, na altura das partilhas; o imposto de selo que creio que tiveram de pagar; ou o custo da certificação energética. 

há 40 minutos, Visitante nuno disse:

Questão: se eu aplicar a mais valia da venda da casa, na compra de uma casa, habitação propria e permanente, para mim em França continuo sugeito à mesma tributação ?

Pelo que percebi em outros foruns, a aplicação desta mais valia na aquisição/obras ... da nossa habitação propria e permanente isentava o pagamento deste imposto, preenchendo mesmo assim o IRS com o anexo G em portugal .

À partida isto não se te aplica. Há efetivamente uma situação em que o reinvestimento pode afastar a tributação mas é quando se reinveste a venda da HPP na compra ou melhoramento de outra HPP. Mas se estás emigrado em França, então esta casa não era a tua HPP, pois não? Logo não tens direito a isso.

Já o teu irmão, se morava na casa que foi vendida, pode ser que sim...

1

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Efectivamente não indiquei que vendi a casa, porque tal como o  pusched, ainda estamos em processo de venda.

De facto esta não é a minha HPP, mas estava concencido que se aplicasse a mais valia numa HPP em Portugal ou na EEE, poderia não ser tributado.

 

Terei então de pagar os tais 28%.

 

Obrigado pela sua ràpida resposta e disponibilidade.

Nuno

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead