Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
EmanuelC

Trabalhar no estrangeiro


13 publicações neste tópico

Bom dia, gostaria de vos pedir ajuda, em relação ao Irs.

O que acontece é que, desde 2008, mais propriamente, Setembro de 2008, fui trabalhar para fora do país, e trabalho desde essa altura, na zona euro, em vários países, mas sempre dentro da zona euro. A minha residência foi sempre em Portugal, inclusivé a residência fiscal. 

Nos primeiros dois anos, ainda efectuei IRS , relativos aos anos em que trabalhei na Holanda e em França, mas a realidade é que desde aí, não mais efectuei Irs, porque tenho trabalhado com uma empresa que básicamente não emite folha de vencimentos. É uma situação um pouco estranha para mim, mas a verdade é que os montantes auferidos são elevados. No entanto, sempre foi algo que preocupou e não sei como posso resolver este assunto, até porque também gostaria de retomar e regularizar os descontos para a segurança social.

Além disso, como coloquei noutra mensagem, tenciono comprar casa, e sem efectuar Irs, parece-me difícil pedir um empréstimo bancário sem apresentar esse documento.

Agradeço desde já qualquer ajuda,

Emanuel

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Se estás fora do país a maioria do ano és considerado não residente; e, nesse caso, não tens de declarar os rendimentos obtidos fora do país.

Só uma dúvida - esses rendimentos estão a ser tributados em algum lado? Ou estás a fugir ao fisco em todo o lado?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, o problema é mesmo esse. Como não tenho folha de vencimentos, não consigo efectuar Irs em nenhum país. Ou mesmo assim é possível efectuar Irs? 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Isso também quer dizer, por exemplo, que não estás ao abrigo de nenhum sistema de segurança social... se tiveres algum problema de saúde estás tramado; já sem dizer que não tens feito descontos para a reforma, por exemplo... 

Que tipo de trabalho é? Pagam-te de forma regular, um montante fixo todos os meses? É pagamento contra serviço prestado?

Não sei se a empresa está em situação legal ou não, até porque provavelmente isso depende do país em que está sedeada. Mas se é num país da UE, arriscaria dizer que parece estar a trabalhar na clandestinidade, se estiveres numa situação de trabalhador por conta de outrem (o que eventualmente poderia / Deveria ser denunciado à entidade equivalente à Autoridade para as Condições do Trabalho lá da zona).
Se estiveres numa situação de trabalho à comissão ou por projeto, então diria que se calhar te estão a encarar como um freelancer, com atividade independente que lhes presta serviços. Nesse caso é a ti que compete tratares da tua legalização - cá em Portugal isso corresponde a abrir atividade independente, passar recibos por cada quantia que te pagam (sendo elevadas isso provavelmente levaria a teres de lhes cobrar IVA), fazeres tu os descontos para a SS e seres responsável pelo pagamento do teu próprio seguro contra acidentes de trabalho. No entanto, dada a elevada carga fiscal no nosso país neste momento, e dado que pelo que percebi vais saltitando de um para outro, talvez valha a pena investigares se há algum país em que te compense mais baseares as tuas atividades...

Só mais uma nota: de acordo com o Código do IRS, mesmo estando fora do país mais de metade do ano, se tiveres cá casa que faça presumir que pretendes manter como residência habitual, podes ser considerado residente. Nesse caso já terias de declarar cá todos os teus rendimentos...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sou pago por trabalhos prestados e não mensalmente. Trabalho em manutenção aeronáutica, e a empresa onde trabalho está sediada em Inglaterra, não sei se está a trabalhar na clandestinidade ou não, e também não sei se sou considerado freelancer ou não. O que posso dizer é que já trabalhei com algumas empresas Inglesas da mesma actividade, e todas fazem o mesmo. Aliás , a maioria efectua os pagamentos através de uma companhia Umbrella, para evitar os impostos. Como é efectuado? Não sei...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sou pago por trabalhos prestados e não mensalmente. Trabalho em manutenção aeronáutica, e a empresa onde trabalho está sediada em Inglaterra, não sei se está a trabalhar na clandestinidade ou não, e também não sei se sou considerado freelancer ou não. O que posso dizer é que já trabalhei com algumas empresas Inglesas da mesma actividade, e todas fazem o mesmo. Aliás , a maioria efectua os pagamentos através de uma companhia Umbrella, para evitar os impostos. Como é efectuado? Não sei...

Ok, pela descrição parece-me que és um trabalhador independente e, portanto, tu é que devias ser responsável por declarar a tua atividade, pagar impostos, segurança social, etc. Ou seja, quem está a trabalhar na clandestinidade és tu.

Admira-me que as empresas não te peçam qualquer tipo de fatura para efetuar os pagamentos ou mesmo um recibo a comprovar que os pagamentos já estão efetuados - mas isso é lá com elas...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Hummmm.....tou a ver....

No caso de comprovativos, o que se faz é preencher semanalmente uma folha de horas do trabalho efectuado, que posteriormente é comprovada pela empresa para a qual se presta o serviço e assinada, e após ser enviada para o departamento financeiro, então os pagamentos são efectuados. Todas as empresas em que trabalhei , no estrangeiro, até agora, fazem o mesmo. 

Neste caso, como consigo efectuar o IRS? Apresento os valores auferidos baseado em quê? Nas transferências bancárias? Nas folhas de horas?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Com base nas faturas que passas aos teus clientes...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Não é bem assim. Eu trabalho para uma empresa que presta serviços a outra. O problema está na empresa intermediária.....que não emite recibos de vencimentos.... Provavelmente para não pagar impostos...😑

 

Editado por EmanuelC
0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu estou-me a basear na descrição que fizeste, em que referiste que és pago só quando há trabalho e não de forma regular... a mim, isso parece-me descrever uma situação de trabalho independente - nesse caso não há porque a empresa passar recibos de vencimento. Quando vais a uma consulta a um médico com consultório privado, por exemplo, é ele que te passa o recibo ao pagares o serviço prestado, não és tu que lhe passas uma folha de vencimento, pois não?

Mas se a tua situação é outra já não sei dizer, estou apenas a responder com base nas informações que estás a ir passando... e também não ajuda o facto de não saber como funcionam as coisas no Reino Unido... Já pensaste em perguntar à empresa?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, já perguntei porque razão não passam comprovativos do salário que me pagam, mas a informação é sempre a mesma, ou seja rodear a questão e não dar uma resposta concreta, o que só pode indicar que é fuga ao fisco.  Como dizes, no final eu é que estou em falta, e caberá a mim fazer todo o processo , para que possa efectuar o Irs e os descontos para a segurança social. Se calhar só me resta deixar de trabalhar com esta empresa e tentar uma que faça tudo legalmente. 

No caso de eu me colocar como trabalhador independente, e abrir actividade, através dos recibos verdes, poderei passar esses recibos às empresas para qual tenho trabalhado? Mesmo sendo empresas de outro país? 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, já perguntei porque razão não passam comprovativos do salário que me pagam, mas a informação é sempre a mesma, ou seja rodear a questão e não dar uma resposta concreta, o que só pode indicar que é fuga ao fisco.  Como dizes, no final eu é que estou em falta, e caberá a mim fazer todo o processo , para que possa efectuar o Irs e os descontos para a segurança social. Se calhar só me resta deixar de trabalhar com esta empresa e tentar uma que faça tudo legalmente. 

"a informação é sempre a mesma"... Ou seja?

Podes tentar contactar a entidade correspondente à ACT lá no Reino Unido, se existir, e ver o que te dizem...

No caso de eu me colocar como trabalhador independente, e abrir actividade, através dos recibos verdes, poderei passar esses recibos às empresas para qual tenho trabalhado? Mesmo sendo empresas de outro país? 

Sim, podes. Por exemplo, a minha irmã está coletada como trabalhadora independente cá, faz trabalhos para empresas em Espanha e outras cá e divide o seu tempo entre cá e o Reino Unido, uma vez que o namorado vai trabalhar para lá uns meses de cada vez...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Não sei o que responder,mas vou tentar informar-me o melhor possível acerca desta situação, e de uma maneira ou outra coletar-me como trabalhador independente. 

Não estou confortável com esta situação e tenho que a resolver.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0