calado

irs Filho maior é dependente?


7 publicações neste tópico

Boa noite a todos os intervenientes no Forum.

Sou novo aqui mas tenho duas questões para apresentar.

1. O meu filho tem 25 anos e começou a trabalhar em julho de 2015. O que é mais rentável? Morando na nossa casa, fazer o seu próprio IRS ou mantermos como dependente no nosso IRS?

2. Ele comprou um automóvel em segunda mão a prestações e acaba de pagá-lo em Dezembro de 2015.Fez um acto isolado de 1 a 8 de julho. Será que pode meter no IRS o automóvel?

Obrigado pela atenção.
0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Li na diagonal.

1. Já não estuda. Não entra no vosso IRS.

2. E porque motivo deveria colocar no IRS a aquisição do automóvel?

1

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Estudar já deixou de ser critério para incluir, como dependentes, maiores até 25 anos.

O único critério que se mantém é o dependente não auferir anualmente rendimentos superiores ao salário mínimo. (505 x 14 = 7070).

 

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Estudar já deixou de ser critério para incluir, como dependentes, maiores até 25 anos.

O único critério que se mantém é o dependente não auferir anualmente rendimentos superiores ao salário mínimo. (505 x 14 = 7070).

A minha referência sempre foram os 25 anos e os estudos, dai a resposta automática!...

No entanto, deixo aqui parte do texto relativo à questão sobre quem pode ser considerado dependente:

Os filhos, adotados e enteados, maiores, bem como aqueles que até à maioridade estiveram sujeito à tutela de qualquer dos sujeitos passivos, que não tenham mais de 25 anos nem aufiram anualmente rendimentos superiores ao valor da retribuição mínima mensal garantida (para 2015 - € 7.070,00)

 http://info.portaldasfinancas.gov.pt/NR/rdonlyres/8AF71495-530C-400A-A64B-B75C0080DA02/0/Ofício_circulado_20176.pdf

Editado por ABCD
0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Li na diagonal.

1. Já não estuda. Não entra no vosso IRS.

2. E porque motivo deveria colocar no IRS a aquisição do automóvel?

Olá ABCD 

O motivo pelo qual deveria colocar no IRS a aquisição do automóvel reside no facto de ter feito um acto isolado. Seria para apresentar uma despesa!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O motivo pelo qual deveria colocar no IRS a aquisição do automóvel reside no facto de ter feito um acto isolado. Seria para apresentar uma despesa!

Ele adquiriu um automóvel a prestações. Está a pagar com os rendimentos do seu trabalho. E umas das prestações, pagou-a emitindo um acto isolado.

Não tem onde colocar essa "despesa" no IRS. Quando ele tiver de levar a viatura a uma oficina para realizar uma manutenção, ai sim. Pode pedir uma fatura por forma a deduzir o IVA pago com essa despesa. A aquisição de uma viatura por um particular não é dedutível no IRS.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Muito obrigado ABCD!

Pela prontidão na resposta e pela coerência clara e inequívoca!

Abraço!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead