Visitante Jonas Joe

cheque creche

12 publicações neste tópico

Bom dia.

Alguem que me possa esclarecer relativamente ao cheque creche? Pensava que seria uma boa opção para pagar menos imposto mas o contabilista da empresa diz que não e uma situação vantajosa e que e melhor não me meter nisso.

Alguém que esteja a utilizar o cheque creche e que me possa ajudar?

Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia.

Alguem que me possa esclarecer relativamente ao cheque creche? Pensava que seria uma boa opção para pagar menos imposto mas o contabilista da empresa diz que não e uma situação vantajosa e que e melhor não me meter nisso.

Alguém que esteja a utilizar o cheque creche e que me possa ajudar?

Obrigado.

http://www.chequecreche.pt/como-funciona.aspx

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Obrigado mas já conhecia o site.

Eu queria era saber se existem implicações positivas ou negativas nomeadamente em relação ao IRS e em termos de valor de descontos para a reforma, porque aquilo que o contabilista me disse e que poderá não ser assim tao vantajoso..

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Como diz no site, as implicações positivas são a isenção de IRS para o trabalhador, isenção de TSU para o trabalhador e para a empresa, e o facto de a empresa poder deduzir esse montante como despesa.

Pelo lado negativo a única coisa que me ocorre é a burocracia envolvida que a empresa pode achar não compensar o benefício que tem (sobretudo quando estamos a falar apenas de um ou dois trabalhadores); há também a questão de que o cheque poderá não ser válido em todas as creches (apenas nas que o aceitarem como meio de pagamento).

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas e em termos de IRS, não terei alterações significativas? Por exemplo com a emissão do cheque o valor será descontado a minha remuneracao mensal pelo que irei ganhar menos o que implicará tambem menos descontos mas isso não fará com que no final do ano tenha menos IRS a receber, ou eventualmente a pagar?

E em termos de valor de desconto para a reforma o valor também será menor.

O que queria perceber e se realmente são só vantagens ou não.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas e em termos de IRS, não terei alterações significativas? Por exemplo com a emissão do cheque o valor será descontado a minha remuneracao mensal pelo que irei ganhar menos o que implicará tambem menos descontos mas isso não fará com que no final do ano tenha menos IRS a receber, ou eventualmente a pagar?

Se ganhas menos terás menos imposto a pagar. Se tens um reembolso maior ou menor (ou mesmo se passas a pagar) isso já vai depender da taxa de retenção na fonte que te for aplicada... mas no final, depois do acerto de contas, pagas menos.

E em termos de valor de desconto para a reforma o valor também será menor.
E em termos de subsídio de desemprego e tudo o resto que varie em função do salário base.

A menos que haja alguma disposição no sentido de contrariar isso e considerar o salário base como sendo o mesmo (mas isso o melhor é confirmar junto da SS).

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Obrigado pelas explicações. Aquilo que o contabilista da empresa disse e que o vencimento será menor, o valor descontado do cheque creche, e que no vaso DS subsídio de desemprego e doença, assim como reforma, o valor será em função do novo vencimento.

Disse também que o valor do cheque creche terá que ser declarado em IRS e que tal poderá não ser benéfico.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas então... estas vantagens todas a nível fiscal (para empresas e funcionários) não é para incentivar as empresas a dar este beneficio aos funcionários? como se de um prémio se tratasse - politicas de incentivo

Ou afinal é para fazer "marteladas" fiscais para fugir aos impostos, do tipo abater o cheque ao salário base para diminuir a incidência dos impostos e contribuições?!?!

;D

E se as tabelas salariais negociadas em CCT indicam valores mínimos de remunerações para as categorias, então quem tiver no limite mínimo de salário o cheque não serve para nada?! Só quem ganha acima da tabela pode abater alguma coisa...

Eu posso estar muito enganado, mas sempre pensei que este tipo de coisas era para ajudar as empresas a ter uma politica de incentivos aos funcionários.

Mas pronto, quando estão todos de acordo (empresa e funcionários) é tudo possível, até diminuir o salário base...

:)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É assim que isso é anunciado. Agora, não estou a ver muitas empresas que queiram passar a gastar mais dinheiro. Na prática acho que é dizer - tu já ias gastar esse dinheiro na creche e ias; só que eu (empresa) agora posso passar a deduzi-lo nos meus impostos e contribuições; e tu também...

Aliás, mesmo a calculadora que é disponibilizada no site parece reforçar essa ideia: do ponto de vista do trabalhador, o "ganho" é o que poupa por não pagar impostos nem TSU - o valor do cheque não é ganho.

Acho que do ponto de vista dos CCT não haveria problema - isto não deixa de ser remuneração...

A única coisa que me deixa em dúvida é mesmo a questão de saber se isto conta como salário base, para efeitos de subsídios ou não. Porque certo é que não vai haver descontos sobre esse montante... Mas, como disse atrás, é uma questão de esclarecer isso junto da SS.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Acho que quanto à parte do ser considerado remuneração para efeitos de SS e consequente atribuição de subsídios, parece-me claro que, se não há contribuição, não é remuneração, logo não é tido em conta no calculo de subsídios.

Ok, concordo que a maioria das empresas não vão passar a dar isso, só porque ficam isentas de contribuições e podem abater aos lucros. Sai-lhes na mesma o dinheiro do bolso.

Mas, para quem quiser implementar politicas de incentivos, ou já os tenham e queiram trocar o tipo de incentivo, então isto é uma medida que ajuda.

Não é para andar a abater aos salários. E espero sinceramente que, caso seja permitido, as pessoas pensem bem os prós e contras antes de aderirem a esse tipo de "jogada" fiscal.

Quanto à calculadora, do meu ponto de vista, pretende reforçar o que o funcionário não pagará se receber (por via da isenção de irs e contribuições), e não o que deixa de pagar se passar a receber. Mas isto é discutível...

Quanto ao CCT, só se houver uma brecha que permita esse tipo de coisas por acordo, senão a empresa adota esse sistema e paga o funcionário em vales/cheques. Logo, não me parece que o salário seja tocável por este tipo de incentivos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pois, mas é mesmo isso que me parece ser comum. Baixar o salário consoante o valor do cheque creche. Por isso as minhas duvidas em relação a adotar essa medida. Não me parece que vá seguir em frente com isso. Vou ficar na mesma como estou que ganho mais benefícios assim.

Obrigado pelas respostas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Acho que quanto à parte do ser considerado remuneração para efeitos de SS e consequente atribuição de subsídios, parece-me claro que, se não há contribuição, não é remuneração, logo não é tido em conta no calculo de subsídios.

Haveria formas de o fazer - a empresa podia continuar a declarar o vencimento total e depois, com um código diferente, declarar o cheque. A SS abatia a TSU do cheque à TSU total do vencimento base - para efeitos de subsídios o vencimento base seria o mesmo; e o Estado podia efetivamente embandeirar em arco com medidas de apoio às famílias e coisas assim (na prática era um encargo assumido pelo estado).

Mas agora já entrei no campo das especulações :)

Pois, mas é mesmo isso que me parece ser comum. Baixar o salário consoante o valor do cheque creche. Por isso as minhas duvidas em relação a adotar essa medida. Não me parece que vá seguir em frente com isso. Vou ficar na mesma como estou que ganho mais benefícios assim.

Mas já quantificaste quanto ganhas a mais assim?
0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor