CFinanceiro

Cuidados a ter na compra de um imóvel em leilão

25 publicações neste tópico

Cuidados a ter na compra de um imóvel em leilão

2009/02/22  15:01Sónia Peres PintoAAAA

Se quiser «arrematar» a casa terá de assinar nesse dia o contrato de promessa de contra e venda e pagar o sinal

Está a pensar em comprar uma casa em leilão? Pois bem, há regras de ouro que deve seguir, de forma a evitar desagradáveis surpresas.

Depois de consultar a lista de imóveis que vão ser leiloados, deverá fazer uma visita prévia à casa. Este é um dos principais cuidados que deve ter. Ao mesmo tempo, o potencial comprador deverá analisar junto do banco as soluções de crédito que mais se adequam e assegurar o valor limite do empréstimo.

Já no dia do leilão deverá levar o bilhete de identidade, o cartão de contribuinte e dois cheques. Um de caução, só para se registar no evento (por norma, as empresas exigem 1.750 euros e devolvem o cheque após ter comparecido ao leilão), e um outro para pagar o sinal do contrato de promessa de compra e venda, caso arremate o imóvel.

Como tudo funciona

No espaço onde o evento está a decorrer, o potencial comprador faz um registo prévio no qual se identifica e é-lhe atribuído um número e um catálogo com todos os imóveis incluídos no leilão.

Se arrematar o imóvel então será conduzido para uma sala onde irá formalizar o contrato de promessa de compra e venda e é feito o pedido de concessão de crédito.

Nesse momento vai ter de pagar um sinal, normalmente inferior ao valor que é pago pelo método mais habitual e que ronda os 10%. É ainda de referir que as leiloeiras não cobram qualquer tipo de comissão aos compradores, no entanto, se estes desistirem da compra perdem o valor do sinal.

in "Agência Financeira"

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa noite.

As casas compradas em modo leilão são mais baratas?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa noite.

As casas compradas em modo leilão são mais baratas?

Bastante mais baratas. Lê o post anterior e faz uma pesquisa no fórum sobre esse tema.

Este assunto já foi por aqui tratado  :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Normalmente são, depois é uma questão do interesse que despertam se forem " 7 cães a 1 osso " podem acabar com o preço pouco atractivo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Tinha ideia que os leilões para a compra de casa eram um pouco restritos quanto á entrada de possíveis candidatos para compra (pois, quanto mais gente melhor para o vendedor).

Para já nao pretendo comprar casa, mas tenho todo o interesse em saber como posso ter acesso a um leilão.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Não sei como podes ter acesso a um leilão, no entanto segundo a Agência Financeira dia 15 e 29 de Março realizam-se leilões em Lisboa e dia 14 e 28 de Março no Porto, os quais presumo sejam efectuados pelas leiloeiras abaixo publicitadas. Entra em contacto com as mesmas e obtém esclarecimentos. 

"Bancos tentam recuperar crédito malparado e compradores procuram casa a preço de saldo. Quase 90 imóveis foram vendidos este sábado, no país, em dois leilões de imobiliário, levados a cabo pela Euro Estates e pela Luso-Roux, as duas empresas que laboram nesta área.

Em tempo de crise, e com cada vez mais portugueses a falharem o empréstimo à habitação, cresce o número de imóveis leiloados, uma forma de os bancos recuperarem parte do crédito malparado e uma oportunidade de adquirir casa a preços de saldo.

Este sábado, em Lisboa, centenas de pessoas assistiram aos leilões organizados pela Euro Estates e Luso-Roux, tendo sido vendidos 86 imóveis.

O leilão da Luso-Roux incluiu imóveis de 20 concelhos, sendo os de Matosinhos, Gondomar, Vila Nova de Gaia, Santa Maria da Feira e Figueira da Foz os que tinham mais activos imobiliários para venda.

Segundo informou a empresa, as vendas distribuíram-se de forma uniforme pelos diversos concelhos com preços que foram desde os 58 mil euros até aos 133 mil euros.

A Euro Estates, por seu turno, vendeu mais apartamentos na zona centro e sul do país. Segundo comunicado enviado à Agência Financeira, foram vendidos imóveis nas Caldas da Rainha, em Almeirim e Alpiarça, ao lado das Termas do Vimeiro, Bombarral, Vila Franca, Alenquer, Malveira, Loures, Linha de Sintra, Setúbal, Sesimbra, Loures, Campo Grande, Olhão, Albufeira e outros concelhos.

Para os próximos encontros, já há datas agendadas. Nos dias 15 e 29 de Março em Lisboa e nos dias 14 e 28 de Março no Porto."

Fonte: [ www.agenciafinanceira.iol.pt ] em 02 de Março de 2009.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom, quando tiver que sair de casa dos pais já sei onde procurar casa primeiro ;D

Vale sempre a pena saber destes leilões, nunca se sabe quando poderá surgir um bom negócio. Tem é um lado menos positivo, a de podermos vir a ter algumas desilusões quando a casa que pretendíamos tem vários licitadores, deixando de ser uma compra menos atractiva do que de inicio se esperava. O mercado é assim mesmo, ganha o melhor rácio oferta/procura.

Obrigado pelo esclarecimento.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

.......mas tenho todo o interesse em saber como posso ter acesso a um leilão.

Já li umas coisas sobre isso e eu que também gostava de ir a um leilão, só por curiosidade, não consegui ver nada que me esclarecesse.

Será que alguém sabe se se pode ir a um leilão como "penetra"?

Há dias em conversa com uns amigos, que também não sabiam, disseram-me que tem que haver inscrição (não sabiam onde) e a entrega de um cheque caução de 1 750 €, que será devolvido se não licitarmos nada. No entanto, como diz o cfnanceiro no início do post sobre este assunto , isto é para quem pretende comprar algo.

Se calhar é melhor contactar as leiloeiras que o hsfarao indica no post em cima!

Mas se alguém tiver alguma experiência prática disto, conte  :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Será que alguém sabe se se pode ir a um leilão como "penetra"?

Há dias em conversa com uns amigos, que também não sabiam, disseram-me que tem que haver inscrição (não sabiam onde) e a entrega de um cheque caução de 1 750 €, que será devolvido se não licitarmos nada. No entanto, como diz o cfnanceiro no início do post sobre este assunto , isto é para quem pretende comprar algo.

Se calhar é melhor contactar as leiloeiras que o hsfarao indica no post em cima!

Mas se alguém tiver alguma experiência prática disto, conte  :)

Do site da Euro Estates:

O que devo fazer para participar no leilão?

Deverá comparecer na sala do leilão no dia e hora anunciados, devendo identificar-se à entrada da sala, ocasião em que lhe é atribuída uma identificação numérica que será usada para licitar dentro da sala de leilão. Deverá trazer consigo o seu bilhete de identidade, número de contribuinte e livro de cheques. Caso represente uma sociedade, deverá ainda trazer consigo os documentos que o habilitam a representar a sociedade.

No início do leilão, um elemento da EuroEstates anunciará resumidamente os procedimentos por que se vai reger o mesmo e as normas de conduta necessárias para o correcto funcionamento do leilão. Caso tenha possibilidade, recomendamos-lhe que esteja presente no início da sessão, momento em que estas informações serão prestadas.

Da Luso-Roux:

O que é necessário no dia do Leilão

Bilhete de identidade (próprio e do cônjuge se casado)

Cartão de Contribuinte (próprio e do cônjuge se casado)

Cheque Caução de € 1.750 (Mil Setecentos e Cinquenta Euros), para registo no leilão (que devolveremos).

Cheque para pagamento do sinal do Contrato de promessa de Compra e Venda

Portanto, parece que basta aparecer... ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Fiquei curioso e pedi-lhes um esclarecimento. Telefonaram há pouco.

Eis as respostas:

- Levar cheques e o BI.

- Um cheque é passado à ordem da Leiloeira no valor de € 1.750,00, que serve como caução (a devolver caso não efectue negócio algum).

- Caso se arremate algum imovel e o valor for superior a € 100.000,00 tem que se efctuar um sinal de 5% desse valor.

- Imóvel com valor inferior a € 100.000,00 obriga ao sinal de € 1.750,00.

- Inscrições são efectuadas no local, onde se deve comparecer 15 minutos antes da hora indicada para o leilão.

- As casas a leiloar estão disponiveis no site.

- Aconsellham a que se marque com eles uma visita ao imovel em que se esteja interessado, isto claro antes da data do leilão.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Portanto, parece que basta aparecer... ;)

Fiquei curioso e pedi-lhes um esclarecimento. Telefonaram há pouco.

Eis as respostas:

- Levar cheques e o BI.

- Um cheque é passado à ordem da Leiloeira no valor de € 1.750,00, que serve como caução (a devolver caso não efectue negócio algum).

- Caso se arremate algum imovel e o valor for superior a € 100.000,00 tem que se efctuar um sinal de 5% desse valor.

- Imóvel com valor inferior a € 100.000,00 obriga ao sinal de € 1.750,00.

- Inscrições são efectuadas no local, onde se deve comparecer 15 minutos antes da hora indicada para o leilão.

- As casas a leiloar estão disponiveis no site.

- Aconsellham a que se marque com eles uma visita ao imovel em que se esteja interessado, isto claro antes da data do leilão.

Obrigadíssima. Vocês, são de facto eficientes  ::)

Um dia destes vou a um leilão, mas tenho que me preparar psicologicamente.

Dizem que às vezes o pessoal se descontrola emocionalmente, licita e depois quer desistir, e pode fazê-lo, com penalizações. O mais incrível é que o 2º maior licitador é obrigado a ficar com a casa e se licitou outra por não ter ficado com a primeira, arrisca-se a ficar com duas!!!!

Alguém habituado a estas andanças disse que "o segredo é não jogar com o coração, mas com a cabeça"

Por isso, só poderei ir como observadora (também não tenho dinheiro para comprar) ;D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sabes que fiquei com a mesma vontade que tu, depois de ter sido esclarecido pela funcionária da leiloeira.

Fiquei aqui com macaquinhos na cabeça para ir dia 14 ao Porto.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sabes que fiquei com a mesma vontade que tu, depois de ter sido esclarecido pela funcionária da leiloeira.

Fiquei aqui com macaquinhos na cabeça para ir dia 14 ao Porto.

Onde é concretamente? Não sei se posso nesse dia, mas é uma ideia a amadurecer  :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O local é no hotel Ipanema Park no Porto. Eu nem para amanhã sei se poderia ir, porque trabalhar sei que vou, agora a que horas...?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Perfeito.  ;) Ainda bem que há pessoal atento.  :D ;D

Sabia que era às 15h00, no entanto, esta é daquelas coisas que uma pessoa dá como adquirida de que tinha colocado a hora e agora ao "olhar" para trás vejo que não constava essa informação de fundamental relevo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas a todos!

Relativamente às empresas que fazem leilões, gostaria de saber se têm conhecimento de como têm corrido leilões e a venda/compra dos imoveis, nas leiloeiras Euro Estates e luso roux...Alguem ja esteve presente num leilão destas empresas? ou ja comprou algum imovel? como correu o processo de burocracia envolvido?

Todas as informações praticas seriam de grande ajuda :)

Obrigado :D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Na sequência da minha questão anterior, deixo outra  ;D

Alguém conhece alguém ou esteve presente ontem (dia 14 de Março) no leilão da Euro Estates em Lisboa? Se sim...como correram as compras/vendas? é importante sabermos como na pratica estas questões se estão a desenrolar  :D

Cristina B.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas a todos!

Relativamente às empresas que fazem leilões, gostaria de saber se têm conhecimento de como têm corrido leilões e a venda/compra dos imoveis, nas leiloeiras Euro Estates e luso roux...Alguem ja esteve presente num leilão destas empresas? ou ja comprou algum imovel? como correu o processo de burocracia envolvido?

Todas as informações praticas seriam de grande ajuda :)

Obrigado :D

Na sequência da minha questão anterior, deixo outra  ;D

Alguém conhece alguém ou esteve presente ontem (dia 14 de Março) no leilão da Euro Estates em Lisboa? Se sim...como correram as compras/vendas? é importante sabermos como na pratica estas questões se estão a desenrolar  :D

Cristina B.

Eu também ando curiosa, até estive para ir ao Porto! Como ninguém responde às tuas questões, deduzo duas coisas: ou não nos querem dizer ou os membros do fórum não têm experiência em leilões :-\

Aguardemos calmamente  :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É verdade m.elis...ver se alguem então diz alguma coisa...normalmente aparecem bons negócios...resta saber se depois as coisas correm bem :)

Cristina B.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

As imobiliárias é que deviam ser proibidas de ir a estes leilões. Só vão estragar o negócio ao pessoal para ficarem com imoveis que vão arrastar para vender...  ::)  (sentimos isso na pele no passado dia 15 no Porto)  lol :P

valeu a primeira experiencia de fazer licitações em leilões presenciais  :D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

As imobiliárias é que deviam ser proibidas de ir a estes leilões. Só vão estragar o negócio ao pessoal para ficarem com imoveis que vão arrastar para vender...  ::)  (sentimos isso na pele no passado dia 15 no Porto)  lol :P

valeu a primeira experiencia de fazer licitações em leilões presenciais  :D

É verdade sim senhor aqui em frente á minha casa estava um r/c para o leilão do dia 14 , fui consultar o site e vi que foi vendido, para meu espanto a semana passada uma imobiliaria de nome veio colocar uma placa para venda. A diferença do preço de saída no leião para o que pedem na imobiliaria são 31500€ e esta naquele esquema novo de permutas.

Abraço.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

...e esta naquele esquema novo de permutas.

Só uma chamada de atenção - as permutas já existem há muito tempo, não é algo novo...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Só uma chamada de atenção - as permutas já existem há muito tempo, não é algo novo...

Sim pauloaguia de facto as permutas ja existem há muito tempo, não era isso que eu queria dizer, devido á dificuldade do mercado as imobiliárias dão agora mais referência a esse tipo de negócio.  ;)

Abraço.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sem duvida que a interferência das imobiliárias parece que não tem ajudado muito os compradores individuais...no entanto também se tem reparado que os preços que as imobiliárias compram os imoveis não são de todo os melhores....e isso na minha opinião não será uma boa gestão... ???

Apesar disto, soube que alguns apartamentos que são propriedade dos bancos, estão à venda por valores muito superiores aos que supostamente os imoveis valem...por débitos dos donos antigos...não sei bem...Parece que independentemente deste preço, qualquer pessoa poderá ofertar junto do banco proprietário o imovel...Sabem como podemos fazer isso? este processo o que exige em termos burocráticos? Já agora...alguem ja ofertou um imovel nesta situação?

Todas as ideias são bem vindas  :) ;D

Obrigado  :D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead