YARA

Cancelar Seguros associados ao CH?

25 publicações neste tópico

Fiz hoje uma escritura de permuta tendo liquidado o apartamento em permuta, não ficando a dever nada ao banco desse apartamento.

Posso cancelar o debito directo dos seguros que ainda iam entrar este mes associados ao CH desse apartamento?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia,

deverá comunicar à seguradora a intenção de cancelar em virtude do CH estar totalmente liquidado. O pagamento tem lugar até ao dia do cancelamento não havendo lugar a mais pagamentos daí em diante.

Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia,

deverá comunicar à seguradora a intenção de cancelar em virtude do CH estar totalmente liquidado. O pagamento tem lugar até ao dia do cancelamento não havendo lugar a mais pagamentos daí em diante.

Obrigado.

Cancelei os debitos directos, eles não sei como, conseguiram retirar o dinheiro na mesma mas fui ao banco e eles fizeram a devolução dos débitos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pois isso acontece muitas vezes! Segundo a "banca" o debito dos seguros vida associados ao crédito tem "condições especiais"! :-\

Não só no debito, acontece muitas vezes os clientes não terem dinheiro na conta, o banco não cobra a prestação mas cobras os seguros vida...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas fiz a revogação dos debitos e o banco devolveu o dinheiro...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia,

Aproveito o tópico para pedir o vosso contributo.

Tal como já referi ai por vários posts, possuo um crédito no BBVA e tentei por tudo verificar a vantagem de retirar os seguros, no entanto face ao aumento de spread não é vantajoso. Toda essa analise teve por base 2 proponentes a 100%, contudo verifico agora que as condições são é a contratação dos seguros junto do banco com as seguintes  exigências mínimas (3 opções):

1) 100% apenas para um dos beneficiários;

2) Proporcional para cada um 50% 50%;

3) 100% para cada um dos proponentes;

Condições estas as que assinei.

Contatei o banco que me diz que tem que ser a 100% os dois, no entanto já validei toda a documentação de FIN, documento complementar, etc...e em lado nenhum existe a referência que tem que ser obrigatoriamente  a opção 3).

Questionei novamente o banco: "Necessito que me indique especificamente onde consta essa obrigatoriedade pois as condições que assinámos tem como exigência mínima qualquer uma das 3 opções".

Após a minha insistência na resposta veio o banco dizer que necessita passar esta informação para outros departamentos...! Diria que já verificaram e não está em lado nenhum essa indicação, logo há que passar para o departamento juridico para arranjar uma tanga!!!

No caso de não existir esta obrigatoriedade posso pedir a alteração para 50% 50%? Qual a vossa opinião.

Outra questão que verifico, exemplo: Ambos os proponentes possuem a mesma idade, no entanto o valor da mensalidade do seguro de vida é diferente em cada um dos proponentes. Isto faz sentido?

Obrigado pela vossa ajuda.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia,

Aproveito o tópico para pedir o vosso contributo.

Tal como já referi ai por vários posts, possuo um crédito no BBVA e tentei por tudo verificar a vantagem de retirar os seguros, no entanto face ao aumento de spread não é vantajoso. Toda essa analise teve por base 2 proponentes a 100%, contudo verifico agora que as condições são é a contratação dos seguros junto do banco com as seguintes  exigências mínimas (3 opções):

1) 100% apenas para um dos beneficiários;

2) Proporcional para cada um 50% 50%;

3) 100% para cada um dos proponentes;

Condições estas as que assinei.

Contatei o banco que me diz que tem que ser a 100% os dois, no entanto já validei toda a documentação de FIN, documento complementar, etc...e em lado nenhum existe a referência que tem que ser obrigatoriamente  a opção 3).

Questionei novamente o banco: "Necessito que me indique especificamente onde consta essa obrigatoriedade pois as condições que assinámos tem como exigência mínima qualquer uma das 3 opções".

Após a minha insistência na resposta veio o banco dizer que necessita passar esta informação para outros departamentos...! Diria que já verificaram e não está em lado nenhum essa indicação, logo há que passar para o departamento juridico para arranjar uma tanga!!!

No caso de não existir esta obrigatoriedade posso pedir a alteração para 50% 50%? Qual a vossa opinião.

Outra questão que verifico, exemplo: Ambos os proponentes possuem a mesma idade, no entanto o valor da mensalidade do seguro de vida é diferente em cada um dos proponentes. Isto faz sentido?

Obrigado pela vossa ajuda.

Qual é o agravamento do spread no BBVA para cancelamento da subscrição de seguros?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

YARA, a aumento de spread é de 1%. A questão já foi analisada até à exaustão.

A grande dúvida agora é de facto o que postei, pode dar-me o seu parecer, por favor.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
No caso de não existir esta obrigatoriedade posso pedir a alteração para 50% 50%? Qual a vossa opinião.
SE puderes optar por qualquer uma das três, então qualquer uma das três é válida...

Essa opção quer dizer que caso um dos titulares faleça, o seguro paga 50% do capital em dívida, é isso? Se ambos tiverem rendimentos, à primeira vista, é capaz de ser uma opção razoável. Agora, se é uma opção boa ou não isso só vocês podem analisar, em função dos rendimentos de cada um e de quais seriam as consequências do falecimento do outro - será que o que fica para trás consegue suportar sozinho a metade que faltar? Haverá uma alteração drástica do nível de rendimento; mesmo que os rendimentos fossem iguais e, portanto, cortado pela metade, as despesas não são cortadas pela metade. Quem fica consegue suportar esses encargos todos?

Outra questão que verifico, exemplo: Ambos os proponentes possuem a mesma idade, no entanto o valor da mensalidade do seguro de vida é diferente em cada um dos proponentes. Isto faz sentido?
Pode ser. A idade não é o único critério para o seguro de vida. Por exemplo, uma pessoa com determinada patologia pode ter uma esperança de vida mais curta (fizerem exames médicos ao contratar o seguor? sabem se foi descoberta alguma coisa?).

Mesmo entre homens e mulheres, há esperança de vida diferente. Os custos do seguro tendem a refletir isso tudo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
SE puderes optar por qualquer uma das três, então qualquer uma das três é válida...

Essa opção quer dizer que caso um dos titulares faleça, o seguro paga 50% do capital em dívida, é isso? Se ambos tiverem rendimentos, à primeira vista, é capaz de ser uma opção razoável. Agora, se é uma opção boa ou não isso só vocês podem analisar, em função dos rendimentos de cada um e de quais seriam as consequências do falecimento do outro - será que o que fica para trás consegue suportar sozinho a metade que faltar? Haverá uma alteração drástica do nível de rendimento; mesmo que os rendimentos fossem iguais e, portanto, cortado pela metade, as despesas não são cortadas pela metade. Quem fica consegue suportar esses encargos todos?

Pode ser. A idade não é o único critério para o seguro de vida. Por exemplo, uma pessoa com determinada patologia pode ter uma esperança de vida mais curta (fizerem exames médicos ao contratar o seguor? sabem se foi descoberta alguma coisa?).

Mesmo entre homens e mulheres, há esperança de vida diferente. Os custos do seguro tendem a refletir isso tudo.

Paulo,

Agradeço desde já pelo seu contributo.

A grande dúvida é se posso optar, pois o banco menciona essas três nas condições, numa primeira resposta apenas diz que tem que ser a opção 3, no entanto após pedir explicações e onde está escrito essa imposição  aí já não têm uma resposta imediata!!! Os bancos são muito sacanas e esperam sempre que as pessoas não analisem as questões ao pormenor.

Quanto aos seguros de vida, então a única razão é ser homem e mulher, pois os relatórios médicos feitos pelo gerente no balcão as respostas foram iguais.

Já agora sabe dizer-me se normalmente é o homem que paga mais ou menos?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Quanto aos seguros de vida, então a única razão é ser homem e mulher, pois os relatórios médicos feitos pelo gerente no balcão as respostas foram iguais.

Já agora sabe dizer-me se normalmente é o homem que paga mais ou menos?

Em Portugal a esperança de vida das mulheres é superior à dos homens. Se fosse esse o único critério eu diria que, à partida, o prémio do seguro devia ser mais baixo para elas do que para eles.

Mas não estou ligado ao ramo segurador nem tão pouco tenho seguro de vida pelo que não sei dar certezas...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Em Portugal a esperança de vida das mulheres é superior à dos homens. Se fosse esse o único critério eu diria que, à partida, o prémio do seguro devia ser mais baixo para elas do que para eles.

Mas não estou ligado ao ramo segurador nem tão pouco tenho seguro de vida pelo que não sei dar certezas...

Paulo de qualquer forma confirmo que o seguro da minha esposa é ligeiramente mais baixo:)!

No entanto e relativamente à outra questão pode o banco obrigar-me a ter um seguro de 100% por proponente se essa obrigatoriedade não constar em lado nenhum?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
No entanto e relativamente à outra questão pode o banco obrigar-me a ter um seguro de 100% por proponente se essa obrigatoriedade não constar em lado nenhum?
Se essa obrigatoriedade não constar em lado nenhum não, o banco não pode obrigar a nada.

Agora, se tu próprio não estás certo se consta ou não, também não posso dizer mais do que isto ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Se essa obrigatoriedade não constar em lado nenhum não, o banco não pode obrigar a nada.

Agora, se tu próprio não estás certo se consta ou não, também não posso dizer mais do que isto ;)

Paulo, acabo de receber a informação que não consta e posso avançar assumindo uma das opções.

É mais uma possível analise para verificar se compensa assumir o aumento de spread.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Tal como já referi ai por vários posts, possuo um crédito no BBVA e tentei por tudo verificar a vantagem de retirar os seguros, no entanto face ao aumento de spread não é vantajoso.

a) Toda essa analise teve por base 2 proponentes a 100%, contudo verifico agora que as condições são é a contratação dos seguros junto do banco com as seguintes  exigências mínimas (3 opções):

1) 100% apenas para um dos beneficiários;

2) Proporcional para cada um 50% 50%;

3) 100% para cada um dos proponentes;

Condições estas as que assinei.

Contatei o banco que me diz que tem que ser a 100% os dois, no entanto já validei toda a documentação de FIN, documento complementar, etc...e em lado nenhum existe a referência que tem que ser obrigatoriamente  a opção 3).

Questionei novamente o banco: "Necessito que me indique especificamente onde consta essa obrigatoriedade pois as condições que assinámos tem como exigência mínima qualquer uma das 3 opções".

Após a minha insistência na resposta veio o banco dizer que necessita passar esta informação para outros departamentos...! Diria que já verificaram e não está em lado nenhum essa indicação, logo há que passar para o departamento juridico para arranjar uma tanga!!!

No caso de não existir esta obrigatoriedade posso pedir a alteração para 50% 50%? Qual a vossa opinião.

B) Outra questão que verifico, exemplo: Ambos os proponentes possuem a mesma idade, no entanto o valor da mensalidade do seguro de vida é diferente em cada um dos proponentes. Isto faz sentido?

a) não acompanhei o desenrolar do tópico mas diria que seria preferivel a hipótese 2. Em caso de falecimento, o outro proponente "só" fica com compromisso de pagar os restantes 50% do empréstimo à data.

Mas essa alteração permite-lhe "tirar" os seguros do banco e contratar outro(s) de outra companhia sem qualquer penalização no spread?

Creio que só não terá qualquer penalização se esta não constar da escritura (ou minuta/adenda ao contrato, caso tenha)!...

B) Não conta apenas o ano. "Eles" fazem a contagem ao mês atuarial... Se faz anos em janeiro e a sua esposa em abril, a diferença de 4 meses é suficiente para se notar a diferença na prestação do seguro!...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O diferença deverá ser o que refere o ABCD, ou seja, para efeitos de cálculo da idade se estiver a menos de 6 meses do seu aniversário consideram como sua idade a que tem hoje acrescida de 1 ano. Porque neste momento é ilegal haver prémios diferentes em função do sexo do segurado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

YARA, a aumento de spread é de 1%. A questão já foi analisada até à exaustão.

A grande dúvida agora é de facto o que postei, pode dar-me o seu parecer, por favor.

Aumento de spread de 1% se tirar os seguros?

Quer dizer que se tiver spread de 0,75% por exemplo, se tirar os seguros fica com spread de 1.75%?

Como é isso possivel?

Todos os bancos hoje em dia (e andei com simulações há bem pouco tempo e sei)o aagravamento por saida dos seguros é de 0,20% ou 0,15% ou 0,10%...

Como pode ser o seu agravamento 1%?

Quanto a proposta de fazer seguro de 50% para cada um, se acha que em caso de falecimento, o outro proponente consegue ficar com o compromisso de pagar os restantes 50% do empréstimo à data e se compensar no spread anualmente (ponderar o multi-riscos e o vida) avance.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ABCD, não a penalização ocorre sempre no entanto fora é possível assumir uma das três opções de seguros.

Pois não me lembrei dessa questão da diferença do mês:)!

Obrigado pelo contributo CFinanceiro.

Estou a todo o custo a verificar a possibilidade de ter uma poupança mensal no campo do crédito, seguros e afins, mas é deveras complicado no meu caso.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ABCD, não a penalização ocorre sempre no entanto fora é possível assumir uma das três opções de seguros.

Pois não me lembrei dessa questão da diferença do mês:)!

Obrigado pelo contributo CFinanceiro.

Estou a todo o custo a verificar a possibilidade de ter uma poupança mensal no campo do crédito, seguros e afins, mas é deveras complicado no meu caso.

YARA, é isso mesmo aumenta 1% (quem me dera que fossem os valores que apresenta).

Já fiz todos os cálculos possíveis e imaginários mas face ao agravamento não compensa:(!

O crédito é de 2010.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

...

Estou a todo o custo a verificar a possibilidade de ter uma poupança mensal no campo do crédito, seguros e afins, mas é deveras complicado no meu caso.

Isso é possível se efetuar amortizações parciais para alêm da prestação mensal. Desce a prestação e o seguro de vida acompanha (ligeiramente)!...

Já em relação à penalização ser superior à vantagem de efetuar o seguro fora do banco, só mesmo com dados concretos se pode verificar essa situação!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

YARA, é isso mesmo aumenta 1% (quem me dera que fossem os valores que apresenta).

Já fiz todos os cálculos possíveis e imaginários mas face ao agravamento não compensa:(!

O crédito é de 2010.

Pois... então os CH que fazem actualmente realmente nas condições de "Vendas associadas facultativas" diz sempre por exemplo "Pack Seguros: seguro de vida e multiriscos confere redução de 0,20% (ou 0,15%)

Se é 1% que agrava realmente...

Tenho aqui simulações de 2010 do BBVA e na altura o spread não agravava tanto se eu nao subscrevesse os seguros... Vou ver se encontro...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Na CGD e no Montepio encontram se agravamentos ainda mais altos...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Na CGD e no Montepio encontram se agravamentos ainda mais altos...

Do Montepio não sei, mas na CGD não se encontram agravamentos mais altos...

Na CGD a não contratação dos seguros dá um agravamento de 0,20%...

"Pack Caixa Ligação: Seguro de Vida e Multi-riscos, Domiciliação de Rendimentos, confere redução de 0,20%)

0,20% é bem menos que 1%...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Posso lhe garantir que se encontra e com alguma facilidade! Essas são as bonificações mais recentes!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Posso lhe garantir que se encontra e com alguma facilidade! Essas são as bonificações mais recentes!

Ahhh... se está a falar de penalizações de 1% no spread pela não contratação de seguros mas noutros anos, sim, na minha simulação é 0,20%...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead