Pesquisar na Comunidade

A apresentar resultados para as etiquetas 'etf'.



Mais opções de pesquisa

  • Procurar por Etiquetas

    Escrever etiquetas separadas por vírgulas, que representam o tema específico do tópico. Exemplos: "irs", "acções", "descontos", "férias".
  • Procurar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Finanças
    • Créditos
    • Bancos
    • Seguros
    • Imóveis
    • Incumprimento e Penhoras
    • Poupar dinheiro
    • Investimentos
  • Fiscalidade e Trabalho
    • Impostos
    • Segurança Social
    • Direitos do trabalhador
    • Trabalho por conta própria
    • Heranças
  • Geral
    • Apresentações
    • Diversos
  • Fórum
    • Regras

10 resultados encontrados

  1. Boa tarde, Foi-me sugerido para investimento de longo prazo o produto Unit Linked BIG Alocação, em vez de investir diretamente em ETFs. Olhando para o histórico destes produtos, que se encontra no site do banco, parece-me que os rendimentos têm sido raquíticos (caso esteja a analisar bem). Não vejo, por isso, o porquê deste aconselhamento. Alguém tem opinião sobre estes produtos? Muito obrigado.
  2. Boas a todos. Sim o titulo do tópico foi de propósito para captar a atenção mas não foi nenhuma mentira ... Neste tópico irei explicitar aquela que é a meu ver o melhor método para a pessoa COMUM de poupar. Será um tópico vocacionado para qualquer leigo, onde o objectivo passa por demonstrar as virtudes do investimento e da poupança e aquilo que ela nos pode fazer por nós. Infelizmente a população portuguesa, tem uma grande dose de iliteracia financeira e adicionalmente uma grande preconceito naquilo que considera investimento. Investimento é a melhor forma de acumularmos riqueza no longo prazo, e se começarmos suficientemente cedo, podemos ter uma reforma antecipada, ou um pé de meia bastante mais dourado no fuuturo. Atrever-me-ia a dizer que uma pessoa ao seguir este tipo de plano, conseguiria multiplicar a sua riqueza inicial por um factor de 50 ou mais no final do periodo. Acabando esta introdução vamos então começar e espero que estejam todos receptivos a este tópico.
  3. Gostava de saber que app/software utilizam para monitorizar os vossos investimentos. Eu gostava de ter uma app que seguisse ETFs, Fundos de investimento e ações num só sítio mas até agora ainda não consegui encontrar. Até nem precisava que fosse em real time. Era mais para ter uma preservativa geral automatizada para não ter que usar 3 fontes e controlar com uma folha de excel... Alguém sabe de alguma solução? Obrigado
  4. Pretendo iniciar-me no investimento em ETFs, seguindo os conselhos no tópico iniciado pelo Salvador. Sendo um tipo de investimento com poucas transações por ano (basicamente, seguinto as indicações do tópico, será a constituição e os reforços anuais), qual das corretoras no título utilizariam para minimizar os custos com as operações? Tenho conta no Best, mas estou aberto a mudar para outra entidade, caso se justifique. Obrigado!
  5. Bom dia, Sou novo aqui e gostaria que ajudassem a dar os primeiros passos nesta área. O meu principal objectivo, por agora, é começar a aplicar dinheiro na bolsa para ter rendimentos passivos. No entanto, dado que não tenho praticamente nenhuma experiência em investimentos (abri conta na DeGiro apenas, sei os básicos de como funciona a bolsa, etc...), gostava de saber se existem ETFs ou outro tipo de investimentos que recomendassem para iniciar. E quais as primeiras dicas que dariam nesta área? P.S.1: Não consigo encontrar o artigo, mas li que existem sites que assinalam a fase de risco de um produto e mercado (por ex, se tem tendências de aproximar de uma bolha). É possível ter esse género de dados? P.S.2: Devo-me preocupar com alguma bolha em vista? Fala-se muito na nova bolha tecnológica/startups... vai acontecer e, se sim, afectará muito os mercados no geral ou só um sector?
  6. Bom dia. Gostaria de saber se os investimentos em ETFs domiciliados noutro país da UE podem ser deduzidos à colecta do IRS nos termos do nº2 do artº21º do EBF ou se existe alguma definição legal do que constitui um PPR e respectivo registo que os exclua. Obrigado.
  7. Olá malta, estou para criar uma conta oficial nesta plataforma ETFMatic e surgiu-me a seguinte dúvida: Tenho de declarar no IRS todos os ganhos, perdas e movimentos de compra e venda de ETFs que fizeram por mim na plataforma, quando transferir o €€ de lá para a minha conta à ordem PT? Isto porque imaginando que deixo lá o €€ durante 5 anos e durante este período eles compram ETFs com o meu dinheiro e também os vendem, ou seja seriam dezenas se não mesmo centenas de transações que teria de inserir na folha de IRS... :/ É possível fazer isto sequer? inserir tanta coisa? É necessário declarar no IRS depois todas as compras feitas que o gestor da plataforma fez? Ou basta eu no IRS dizer em que meses é que pus lá dinheiro e quanto, e depois quando e quanto é que tirei ao fim de X anos e pagar o respetivo imposto? Obrigado desde já pela ajuda, abc.
  8. Bom dia Confesso que sou um seguidor da thread do Salvador e que estou quase a aventurar-me com uma carteira de ETF's previgiliando a acumulação de dividendos pelas sugestões do Ruicarlov Mas gostava de contar com a experiência de todos os interessados por ETF's e por á prova um porfolio chamado "Trident" que encontrei na net quando encontrei site investwithstrength.com. Confesso que estou de pé a trás e procurando no Reddit muita gente diz que o autor (milos) tem feito muito SPAM no Quora em quase todos os tópicos de investimento. Trident Portfolio GLD SPDR gold shares - 33.33% TLT iShares Long Term Treasuries - 33.33% VBR Vanguard US SmallCap Value - 33.33% -------------- (informação retirada do primeiro email que recebi do autor) During the 2008 financial crisis, how many times did you hear anyone say “My portfoliois down 2.5 standard deviations” or “My trading account is at 15% volatility”. Not too many I assume. The most common observation was something like “My portfolio is down 30%!”. But most investment literature shows volatility as risk when we as humans consider losses to be the biggest risk. Let me show you what I mean. Let’s consider 4 different portfolios. The first one is 100% US stocks (S&P 500), followed by a 60-40 portfolio of 60% stocks and 40% bonds. The third one (Global) is a globallydiversified portfolio, which is equally divided among US stocks, internationally developed stocks, REITs, bonds and commodities. And the last one is the PermanentPortfolio composed of equal amounts of US stocks, US long-term bonds, gold and cash. Let’s look at their performance since 1972 (Compound annual growth rate vs. Annualized standard deviation): It appears that the 60-40 and Global portfolios have similar risks, and that they both have about 50% more risk than the Permanent portfolio. Also, it looks like the S&P 500 has 50% more risk that the Global portfolio. And now, let’s see what the worst year has been for these portfolios in the last 40+ years: Well this chart certainly tells a different story. The 60-40 portfolio has 3 times more risk compared to the Permanent portfolio. Global has 60% more risk than the 60-40 portfolio, while the S&P 500 has 85% more. By looking at the CAGR vs. Worst Annual Loss chart, we might be tempted to invest in the Permanent portfolio because the reward-to-risk ratio is the best of the 4portfolios. However, let’s look at what the current value of each would be if we invested $10,000 in each of them in 1972, reinvested all dividends and rebalanced annually: Looking at this chart we find ourselves conflicted because Permanent portfolio has grown the least out of all 4. Someone who invested only in the S&P 500 made a lot more money, if they had the emotional control never to sell. And someone who diversified globally made even more. Yes, you could say Permanent portfolio achieved its’ returns with a lot less risk and more predictable gains, but after 40+ years it’s the returns that are the most evident. The difference between 9% and 10% CAGR might seem small, but it makes an enormous difference over longer time frames. This leads us finally to the Trident portfolio. First, it eliminates the cash portion from the Permanent portfolio which increases returns because money isn't tied up in a very low return asset class. Secondly, it replaces the large cap US stocks with US small-cap value stocks which exhibit stronger returns during bull markets. It also complements the dynamic behavior between stocks, gold, and long term bonds even better because small-cap value stocks grow much faster during bull markets when gold and bonds traditionally suffer. Let’s see how the Trident portfolio compares: For added reference, here is the CAGR vs. Worst Annual Loss: The Trident portfolio's risk is slightly higher than the Permanent portfolio but with returns bigger than all other portfolios. It is also the one with the highest reward-to-risk ratio. To see the predictable returns of the Trident portfolio, take a look at the historical performance since 1972 (logarithmic chart): The Trident portfolio has higher returns than stocks and is unfazed by bear markets. Its simple asset allocation of 3 equal funds is easy to understand. Lastly, it can be managed by anyone in a few minutes and only once per year. Next time we will look at ETFs for each of these 3 asset classes, which ones to choose, and their latest 10-year performance. If you have any questions or comments, you can contact me at milos@ ------------ A performance é muito boa mas não consigo testar valores antes de 2005 por causa do historico do GLD no portfolio visualizer. Conseguem alguma alternativa para fazer um backtest maior? Sei que muitos se vão queixar de é uma percentagem muito alta de ouro.... mas se no longo prazo isso resultar não será mais seguro? Agradeço desde já as vossas criticas construtivas e espero que não levem a mal a forma como coloquei a questão Obrigado
  9. Olá assisti a este video e gostava de saber como posso investir nisto aqui em portugal.
  10. Boas, Sou novato no mundo de investimentos. Comecei em 2013 com a subscrição de obrigações EDP, FCP e SLB sendo que atualmente apenas tenho obrigações do Grande Sporting. Pretendo aumentar a minha carteira mas estou indeciso sobre se devo apostar em novas obrigações ou optar por outras opções como Certificados do Tesouro Poupança Mais e/ou ETFs que ainda não intendo completamente como funcionam. Sendo que apenas posso investir 2000 euros, O que recomendam? Obrigado