Fóruns

  1. Finanças

    1. Créditos

      Créditos habitação, automóvel, pessoal, ao consumo e afins

      13.011
      publicações
    2. 12.117
      publicações
    3. Seguros

      Seguros de saúde, automóvel, vida, multi-riscos, acidentes pessoais e todos os outros

      1.123
      publicações
    4. 532
      publicações
    5. 4.069
      publicações
    6. 24.405
      publicações
    7. 27.344
      publicações
  2. Fiscalidade e Trabalho

    1. Impostos

      IRS, Segurança social, IMT, IMI e simuladores fiscais

      25.803
      publicações
    2. Segurança Social

      Subsídios, pensões, abonos e outras contribuições de carácter social

      510
      publicações
    3. 953
      publicações
    4. Trabalho por conta própria

      Trabalhadores independentes, ENIs e micro e pequenas empresas

      613
      publicações
    5. 1.820
      publicações
  3. Geral

    1. Apresentações

      Quem és, de onde vens e para onde vais?

      673
      publicações
    2. Diversos

      Para falar de tudo o resto

      10.495
      publicações
  4. Fórum

    1. Regras

      Regras do fórum

      2
      publicações
  • Estatísticas de Utilizadores

    22.458
    Total de Utilizadores
    217
    Mais Online
    Jesibel
    Utilizador Mais Recente
    Jesibel
    Registado
  • Estatísticas do Fórum

    13.014
    Total de Tópicos
    126.969
    Total de Publicações
  • Popular neste momento

  • Tópicos em Destaque

  • Tópicos Recentes

  • Publicações

    • Eurico, o presbítero
      Fundos de Investimento
      Eu opto pelo NÃO englobamento e quanto ao preenchimento estou a contar fazer igual ao do ano passado (na rubrica 8, salvo erro, que diz "... e outros valores mobiliários"). Mas é como disse, este contacto foi pelo telefone e foi só "conversa". Tenho já marcada uma reunião pessoal, só para tratar deste assunto. É que ao longo de 2015 fiz diversas transações e quero tudo "posto em papel", nomeadamente preços/datas de compra, venda e custos das operações. É habitual, todos os anos no início de Maio, termos esta reunião "fiscal" onde me é fornecida toda a papelada e então aí sim, confrontarei a PFA com este dilema entre anexos G e J. Mas foi como disse, no ano passado disseram-me para colocar no G (e assim fiz) e este ano, pela conversava telefónica que tive na sexta, parece que as indicações do banco vão no mesmo sentido. Veremos... Nos outros bancos/agências, que indicação vos deram?
    • 5coroas
      Fundos de Investimento
      E ela disse-lhe qual o campo e código do anexo G a usar (caso não se opte por englobamento)?
    • Eurico, o presbítero
      Fundos de Investimento
      Sobre esse assunto ainda ontem estive ao telefone com a minha gestora no Best e ela disse-me para continuar a fazer o que tenho feito até aqui: declarar no Anexo G usando o NIF do Best.  Se é essa a recomendação do banco, quem sou eu para os contrariar... Alega que os rendimentos foram obtidos através de aplicações realizadas em território português através de uma instituição bancária portuguesa (o meu dinheiro não está no estrangeiro...).  Aliás, como será pelo NIF do Best que a AT irá verificar esses movimentos, faz sentido apresentá-lo na declaração.  Mas admito que possa haver diversas interpretações. Aqui convinha que a AT, de uma vez por todos - e até junto dos bancos(!) - esclarecesse este assunto. O que eu li de "oficial" pouco me esclarece:  http://info.portaldasfinancas.gov.pt/NR/rdonlyres/74FDEA62-4932-4282-81D5-C7488D4B2BE0/0/Oficio_Circulado_20187_2016.pdf Enfim, o importante, julgo eu, é declarar as vendas dos FI e as mais e menos valias obtidas. Agora se é no anexo G ou J, muito sinceramente, para a AT penso que vai dar no mesmo.  Mas talvez os amigos deste fórum possam dar uma opinião mais abalizada. 
    • SABRE
      Fundos de Investimento
      Também já estive a dar uma vista de olhos, mas como é a primeira vez que preencho o anexo G, fiquei com umas dúvidas.   É o quadro 11 que temos que preencher?  Mas pede o NIF, e o Best apenas indica o NIF dos fundos sediados em Portugal...   Se alguém der uma mão, agradecia, pois penso que para muita gente será a primeira vez que irão preencher este anexo e terão a mesma, ou outras dúvidas   Um bom resto de fim de semana   Edit: Desconfio que afinal é o anexo J, pois como são fundos estrangeiros, serão rendimentos obtidos no estrangeiro
    • ruinavy
      Anexo F -
      Bom dia a todos 

      Possuo uma habitação arrendada com inicio em FEV2015. Dessa forma e conforme obrigatório será necessário preenchimento anexo F.

      Deparo-me com algumas duvidas que desde já partilho com todo o forum de forma a efetuar corretamente todos os passos e também para conhecimento de algum utilizador com duvida semelhante

      No anexo F:

      a) quadro 4 Nº DA LINHA: A que se refere os números da Linha (ex. 4001, 4002, 4003 ...)

      b ) quadro 4: TITULARES, tanto eu como a minha mulher somos titulares em partes iguais ( 50% cada) da fração arrendada. Para esse efeito e conforme obriga os recibos eletronicos passados vem com ambos os nossos NIF's. No entanto não consigo selecionar ambos os titulares nesse campo

      c ) quadro 4 - NIF DO ARRENDATÁRIO: Tenho a fração arrendada a um casal logo consequentemente os recibos eletronicos vem indicado 2 nr identificaçao fiscal, como selecionar ambos os NIFS?


      Grato desde já por toda a colaboraçao 

      Rui Tavares
  • Utilizadores Populares

    1. 1
      pauloaguia
      pauloaguia
      5
    2. 2
      carlos2008
      carlos2008
      2
    3. 3
      Ducas
      Ducas
      1
    4. 4
      Wakka
      Wakka
      1
    5. 5
      Mouro Emprestado
      Mouro Emprestado
      1