Fóruns

  1. Finanças

    1. Créditos

      Créditos habitação, automóvel, pessoal, ao consumo e afins

      13.584
      publicações
    2. 12.671
      publicações
    3. Seguros

      Seguros de saúde, automóvel, vida, multi-riscos, acidentes pessoais e todos os outros

      1.165
      publicações
    4. 912
      publicações
    5. 4.242
      publicações
    6. 24.682
      publicações
    7. 30.644
      publicações
  2. Fiscalidade e Trabalho

    1. Impostos

      IRS, Segurança social, IMT, IMI e simuladores fiscais

      27.561
      publicações
    2. Segurança Social

      Subsídios, pensões, abonos e outras contribuições de carácter social

      662
      publicações
    3. 1.189
      publicações
    4. Trabalho por conta própria

      Trabalhadores independentes, ENIs e micro e pequenas empresas

      727
      publicações
    5. 2.331
      publicações
  3. Geral

    1. Apresentações

      Quem és, de onde vens e para onde vais?

      712
      publicações
    2. Diversos

      Para falar de tudo o resto

      10.707
      publicações
  4. Fórum

    1. Regras

      Regras do fórum

      2
      publicações
  • Estatísticas de Utilizadores

    22.012
    Total de Utilizadores
    217
    Mais Online
    Joao Moinhos
    Utilizador Mais Recente
    Joao Moinhos
    Registado
  • Estatísticas do Fórum

    14.054
    Total de Tópicos
    135.341
    Total de Publicações
  • Popular neste momento

  • Tópicos em Destaque

  • Tópicos Recentes

  • Publicações

    • JRJordao
      Na declaração poderás substituir os valores (totais) fornecidos pelo e-fatura por valores indicados por ti. Nesse caso, talvez devas guardar essa fatura que não pudeste corrigir, em papel.
    • JRJordao
      Pode-se corrigir ao longo do ano, até fim de Fevereiro do ano seguinte. Tiveste todo esse tempo para alterar o setor da fatura. 1 a 15 de Março é para reclamar sobre o que não se conseguiu corrigir.
    • ngp
      Já fui ler isso, já percebi melhor...  ou seja, e sempre uma percentagem sobre os lucros da empresa - as despesas da mesma certo? Sendo que aqui o PEC parece me o mais vantajoso certo? em relação ao que disse, o plano de negócios esta a ser realizado, por isso mesmo é que estava a recolher a máxima informação possível antes de ir ter com um contabilista!
    • MonteiroSAM86
      São obrigatórias por lei, as declarações anuais para efeitos de IRS são emitidas pelas entidades empregadoras – empresa e outras entidades públicas ou privadas - e devem ser entregues ao sujeito passivo, até 20 de Janeiro de cada ano. Estas declarações anuais para efeitos de IRS são documentos comprovativos das importâncias devidas no ano anterior, incluindo, quando for caso disso, as correspondentes aos rendimentos em espécie que lhes tenham sido atribuídos, do imposto retido na fonte e das deduções a que eventualmente haja lugar. Além das declarações anuais para efeitos de IRS, as entidades empregadoras têm ainda de entregar à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT), até ao final do mês de Fevereiro de cada ano, uma declaração, de modelo oficial, referente àqueles rendimentos e respectivas retenções de imposto, de contribuições obrigatórias para regimes de protecção social e subsistemas legais de saúde.
        Pelo que entendi da sua pergunta, julgo que está em incumprimento, os rendimento auferidos em n-2 devem ser declarados no ano n-1 e os rendimentos auferidos em n-1 declarados no ano n. 
    • pdam
      O que eu temia... O período é demasiado curto, se alguém tiver de férias ou algo do género não tem possibilidade de as corrigir, não faz muito sentido mas enfim. Alguém sabe se existe algum tipo de pedido de excepção, se devidamente justificado? Entretanto no artigo que enviou: Que reclamações são aceites? A AT só permite a reclamação das despesas gerais e familiares, bem como das despesas com direito à dedução do IVA pela exigência da fatura. Relativamente às restantes despesas, em alternativa aos valores comunicados à AT, pode-se declarar os montantes corretos no anexo H - quadro 6C, com todas as despesas de todos os elementos do agregado familiar. --- Ou seja só as faturas em que nos devolvem uma percentagem da IVA? E portanto as que normalmente deduzimos no IRS, relativamente a Saúde, etc, essas sim podemos ainda continuar a declarar, certo?
  • Utilizadores Populares

    1. 1
      scpuser
      scpuser
      4
    2. 2
      JRJordao
      JRJordao
      4
    3. 3
      parm
      parm
      4
    4. 4
      D@vid
      D@vid
      4
    5. 5
      Patanisca
      Patanisca
      3