Fóruns

  1. Finanças

    1. Créditos

      Créditos habitação, automóvel, pessoal, ao consumo e afins

      13.283
      publicações
    2. 12.379
      publicações
    3. Seguros

      Seguros de saúde, automóvel, vida, multi-riscos, acidentes pessoais e todos os outros

      1.139
      publicações
    4. 730
      publicações
    5. 4.126
      publicações
    6. 24.527
      publicações
    7. 28.929
      publicações
  2. Fiscalidade e Trabalho

    1. Impostos

      IRS, Segurança social, IMT, IMI e simuladores fiscais

      26.946
      publicações
    2. Segurança Social

      Subsídios, pensões, abonos e outras contribuições de carácter social

      565
      publicações
    3. 1.061
      publicações
    4. Trabalho por conta própria

      Trabalhadores independentes, ENIs e micro e pequenas empresas

      683
      publicações
    5. 2.038
      publicações
  3. Geral

    1. Apresentações

      Quem és, de onde vens e para onde vais?

      687
      publicações
    2. Diversos

      Para falar de tudo o resto

      10.585
      publicações
  4. Fórum

    1. Regras

      Regras do fórum

      2
      publicações
  • Estatísticas de Utilizadores

    22.863
    Total de Utilizadores
    217
    Mais Online
    irina
    Utilizador Mais Recente
    irina
    Registado
  • Estatísticas do Fórum

    13.547
    Total de Tópicos
    131.208
    Total de Publicações
  • Tópicos em Destaque

  • Tópicos Recentes

  • Publicações

    • carlos2008
      só mais uma coisa : evidentemente que, existindo um ou mais netos menores, teus filhos, que sejam beneficiados pela avó na quota disponível tu não podes vender o que lhes couber, terão que ser eles a decidir o que farão quando atingirem a maioridade. Isso parece-me evidente e de fácil compreensão e penso que tu própria entendes isso, aliás isso nem tem a ver com a vontade da tua mãe , tem a ver com a Lei, pois senão um menor de 5 anos, p.ex., podia receber uma herança de 1 milhão e os pais delapidavam e vendiam tudo... é fácil de entender, não é ? 
    • carlos2008
      a tua exposição é um pouco confusa e eu só te posso dizer o seguinte: um testamento para ser válido tem que ser feito em notário e registado devidamente, não é um papel qualquer que se deixa numa gaveta da mesa de cabeceira... não se pode deixar nada em testamento a quem não existe ( p.exemplo "aos netos que hão-de nascer" ) , aliás penso que nenhum notário faria um documento desse teor, isso é inválido, informa-te no notário mais próximo de tua casa... a quota disponível, no caso da tua mãe ( marido e filha única ) é de 1/3 da sua herança ( ou seja de tudo o que deixa: dinheiro, casas, terrenos, carros, jóias, etc ) a herança deixada pela tua mãe é metade daquilo que ela tem em conjunto com o teu pai ( a outra metade é bem próprio do teu pai, evidentemente, seja o que fôr : dinheiro, casas, terrenos, etc  ) supondo que são casados em regime de comunhão de adquiridos ou geral de bens : é essa metade que tem que ser dividida pelos herdeiros, incluindo o marido teu pai. se de facto existe um testamento válido, corretamente feito, registado de acordo com a lei aconselho-te a levá-lo a um notário e, por uma módica quantia, ele esclarece-te cabal e totalmente as tuas dúvidas - pagas apenas uma consulta, é como se fosses ao médico. relativamente a não poderes vender aquilo que herdas depende : p.ex. se a casa dos teus pais é deles tu herdas uma parte ( %) do imóvel mas de facto não o podes vender enquanto o cônjuge sobrevivo ( o teu pai ) fôr vivo e viver lá, tens que esperar que o teu pai morra.  Pelo contrário se herdas, depois das partilhas feitas, um terreno só para ti, p.ex., podes vendê-lo logo que queiras, depois de registado em teu nome é teu e fazes o que quiseres. Ou uma jóia, ou um carro, ou uma estante cheia de livros, etc : o que fôr divisível e registado como teu é teu e fazes o que bem entenderes desse bem. quanto ao teu pai ser do tipo difícil isso não conta, o que conta é a Lei, manda-o ás urtigas ...
    • quim
      Já há uns tempos que ando à procura de um apartamento ou moradia para investimento na zona do hospital de S.João ou junto ao metro de Salgueiros pois tenho por lá um filho a estudar e irá ficar pelo menos mais 5 anos. Se encontrares alguma coisa por esses lados que aches que é bom negocio e que por algum motivo fique fora dos teus planos agradecia que me informasses 
    • Serranus
      Sim, tem razão mas por motivos de saúde essa possibilidade está quase posta de parte pois de futuro poderia sair muito caro. Daí a minha questão acerca dos argumentos a apresentar na seguradora. Obrigado na mesma!
    • pauloagsantos
      é uma boa questão? uma coisa seria fazer a renuncia logo em 2008, nesse caso era apenas a herança que pagava as dividas, agora passado 8 anos não sei se será possivel? acho que vai ter que gastar algum dinheiro num advogado que o aconselhe nesta situação. 
  • Utilizadores Populares

    1. 1
      Wakka
      Wakka
      1
    2. 2
      SABRE
      SABRE
      1
    3. 3
      ruicarlov
      ruicarlov
      1
    4. 4
      pauloagsantos
      pauloagsantos
      1
    5. 5
      Patanisca
      Patanisca
      1