Actividade últimas semanas

A apresentar todo o conteúdo publicado nos últimos 15 dias.

This stream auto-updates   

  1. Ontem
  2. David, pode sugerir aqui, por favor, um fundo idêntico a esse da Allianz para eu, daqui a um ano, poder comprar também um Mercedes? Dava-me um jeitaço!...
  3. tópico oficial

    Bem visto!
  4. inteiramente de acordo: nós devemos esforçarmo-nos por manter com os outros um comportamento norteado por valores éticos, pois senão este mundo torna-se uma selva maior do que já é ( bastam-nos os maus exemplos dos políticos, p.ex.... ) e se combinaste isso com o senhorio deves falar com ele e esclarecer bem o assunto a contento de ambas as partes, quero dizer, se queres agora ter tudo legal talvez tenhas que ceder a um ajuste de renda, só tu sabes o que combinaram. Só mais uma coisa: quando perguntas "há algum problema a nível de IRS '" , para ti não há nenhum: não declaras as rendas, não recebes o respetivo desconto fiscal, as Finanças não sabem de nada, tu não vais denunciar, o senhorio muito menos, portanto TU não tens qualquer problema tirando o facto de estares a usufruir de uma situação que te dá um desconto, embora ilegal: se ninguém der com a boca no trombone está tudo bem...! Sendo que por outro lado caso tenhas algum problema com a casa ( avarias, p.ex. ) ficas um pouco mais desprotegida do que estando tudo legal, mas isso é o custo do benefício ( desconto ) que estás a ter: tudo na vida tem prós e contras !
  5. Neste momento tenho apenas um de REIT de Developed Europe. De vez em quando vou olhando para ver se aparece um global com capitalização de dividendos.
  6. Bom dia, Tenho um carro comercial para venda mas não consigo perceber qual o documento no site das finanças que tenho de passar ao comprador uma vez que vou ter de vender com IVA (quando comprei fiz dedução do IVA) obrigada
  7. herança

    O ideal seria os diversos filhos chegarem a acordo por bom-senso, de forma a que o filho titular distribuísse a parte legalmente dele pelos restantes irmãos. Porque não será o banco que o fará.
  8. Sem grande rigor? A visão foi bem explicada. Sem rigor era se viesse aqui falar de produtos sem garantias.. .
  9. Última semana
  10. repudio

    Obrigado pelo esclarecimento.
  11. Bom dia, Alguém me pode ajudar sobre esta dúvida sobre mais-valias, IRS, preenchimento do anexo G, valor da aquisição? 1. Meu pai faleceu em 2005 e deixou de herança uma moradia avaliada na data da herança em 10.000€ 2. Os seus herdeiros são 3, 3. Em 2015 foi construído uma fração autónoma sobre a moradia existente e pedido a certificação para propriedade horizontal com duas frações, 4. Em 2015 a fração A foi avaliada pelas finanças em 30.000€ e a fração B em 36.000€, onde passou a haver um novo artigo para cada uma das frações… 5. Em 2016 houve uma partilha da fração B, em que eu adquiri 1/3 de cada um dos outro herdeiros, ficando como proprietário da fração B, ficando a fração A em nome da herança… Como preencher o anexo G do IRS por parte da minha mãe, (a data e o valor da aquisição), se à data da herança, a fração B não existia? Minha mãe deve considerar a data e o valor da aquisição o valor da primeira avaliação das finanças à fração B, neste caso seria 1/3 dos 36.0000€ que é 12.000€?
  12. Em muitos casos o rendimento não é disponibilizado em Portugal. É disponibilizado no país x que depois pode ser transferido para Portugal. Por exemplo tenho uma conta numa correctora americana, e é nessa correctora que os rendimentos são disponibilizados. Faço compras/vendas e recebo dividendos e esse dinheiro ainda não passou por território português, pois sempre esteve na correctora. Até tenho de preencher formulários para evitar dupla tributação de dividendos, e poder deduzir o que já foi retido na fonte no IRS do ano. No anexo J é que está comtemplada a opção de inserir o imposto pago no estrangeiro.
  13. Bom dia, Já é o segundo ano consecutivo que a Allianz não declara o meu seguro de saúde no portal do e-fatura, eles não deveriam ser obrigados a emitir uma fatura anual ou mensal sobre o prémio pago? Já me informei com todos os meus colegas que têm seguros de saúde de várias companhias e todos têm os seus seguros declarados no portal à excepção do meu que é da Allianz. Isto o ano passado foi prejudicial, atrasou o meu recebimento do IRS pois tive que efectuar uma reclamação graciosa e posteriormente fazer a declaração manual ao invés de obter automaticamente os dados do e-fatura. Alguém me pode ajudar? Obrigado.
  14. Bom dia, Sou casado, vivo na Alemanha e tenho rendimentos de rendas em Portugal. Eu e a minha esposa temos de apresentar declaração separadas por sermos residentes no estrangeiro, não sei bem porquê mas não nos deixa optar por tributação conjunta. Assim sendo como declaramos as rendas usufruídas em Portugal? Supondo que são rendas no valor de 2000 euros declaramos 1000 euros cada um e 50% na quota parte no anexo F quadro 4?
  15. tópico oficial
    CGD

    Aqui estão as alterações para Maio https://www.cgd.pt/Precario/Documents/comissoes.pdf
  16. A tua questão coloca alguns problemas: 1º) se a tua tia faleceu sem descendentes nem ascendentes ( e SEM TESTAMENTO ) e, dizes que tinha irmãos então os seus herdeiros são os irmãos, isto do ponto de vista legal ( se tivesse feito testamento poderia ter dado todos os seus bens, incluindo dinheiro, a quem quisesse nem que fosse à Santa Casa ou aos gatos...dado não ter herdeiros em linha direta - marido ou filhos ) 2º) dizes que tens uma prima - ou seja a tua tia tinha pelo menos 2 irmãos ( pode ter mais, vivos, mas sem filhos ) e como disse esses são os herdeiros 3º) no entanto AO TER COLOCADO nas suas contas bancárias os vossos dois nomes ( embora talvez, ou só, apenas como medida de segurança para ela própria ) então legalmente cada uma de vocês ( tia + 2 sobrinhas ) passou, perante o banco e a lei, a ser dona de 1/3 das quantias depositadas - ou seja, caso tu e a tua prima queiram podem dizer que 1/3 do dinheiro das contas é vosso - mas isso pode colocar-vos um problema ético se souberem que a tia o fez apenas por segurança ( p.ex., sendo idosa queria ter alguém de confiança que pudesse movimentar o dinheiro para lhe acudir em caso de doença ou internamento em que ficasse incapacitada e pelos vistos vocês seriam essas pessoas ) no entanto caso vocês optassem/optem por este caminho os outros ( irmãos da tia / herdeiros ) poderão sempre levar a coisa para a Justiça e provar que nas ditas contas bancárias vocês nunca depositaram um tostão de dinheiro vosso e portanto o mesmo era apenas da vossa tia e vocês só lá estavam por precaução - isso levaria a uns anos de tribunais, evidentemente... Portanto convém ter algum bom senso nesta questão e ver o que pretendem fazer, ou qual a opinião, dos irmãos da vossa tia ( vossos pais, não ? ) pois até pode ser que entendam que ela vos colocou na conta porque vos queria mesmo dar o dinheiro e eles podem achar que não necessitam de mais dinheiro e preferir dá-lo ás filhas/sobrinhas. Mas essa é uma questão de ambiente familiar que só vocês podem avaliar, sendo que nestas coisas a melhor opção é sempre evitar zaragatas e problemas que só se traduzem em tribunais, demoras e custos.
  17. Olhando para os preçários dos bancos, tanto o Invest como o Atlântico europa têm contas para pessoas coletivas sem custos de manutenção. Mas no invest são necessários 5000€ para abertura de conta enquanto que no Atlântico não.
  18. No cartão da Deco Unicre tinham a exclusão de não permitir pagamentos de outros cartões da Unicre, semelhante ao que o Best fez. Mas de resto funcionava, e sempre obtive chasback com isso, até ao dia em que todo o programa reduziu as taxas (de 1 para 0.5% nas compras normais e de 1% para 0% nos pagamentos de compras e serviços)
  19. Podia ao menos esclarecer como funcionam essas Depósitos a 1 dia, para sabermos o produto equivalente em Portugal (conta à ordem, depósito a prazo, etc..)
  20. Boa tarde! E a primeira vez que vou passar um recibo eletrônico, e tenho algumas dúvidas: - só hoje me pagaram os serviços prestados no mês de outubro e de novembro de 2026, passo o recibo com a data de hoje?? - tenho que passar 2 recibos (outubro/novembro) ou posso passar tudo no mesmo? Obrigado desde já!
  21. Boa tarde, Antes de mais, o que é a HOME? Nunca ouvi falar da HOME, a NOS era a ZON que foi fundida com a Optimus. Mas adiante. As dívidas de telecomunicações prescrevem passado 6 meses, se e só se nunca foi informada dessa dívida, no entanto tem que ser você a invocar essa prescrição. Agora, não me parece que seja esse o caso porque você diz que foi informando o contencioso que estava tudo liquidado, se foi informando é porque tinha conhecimento da dívida certo? Além disso se já fez pagamentos, já não pode invocar a prescrição da dívida. De qualquer das formas a não estou a perceber bem a história, está algo confusa.
  22. Não tributável é o que não é sujeito a imposto, como o subsídio de desemprego. Os rendimentos da sua esposa são sujeitos a imposto, mesmo que ela não "adiante" mensalmente via retenção.
  23. As pensões de reforma também são "dinheiro pago pelo estado" e pagam imposto... Mas no caso do subsídio de desemprego, está isento de tributação. Portanto, se esse for o único rendimento dela, pode avisar a sua entidade empregadora para passar a descontar para o IRS pelas tabelas de "casado, único titular".
  24. Se o filho tiver falecido antes do pai não - uma vez que não tem descendentes não tem ninguém que possa exercer o direito de representação, logo a herança é dividida só pelos dois irmãos ainda vivos. Se o filho tiver falecido depois do pai então foi seu herdeiro. Mesmo que não tenha havido ainda partilhas da herança do pai, há bens que lhe tocariam a ele. Tendo falecido depois do pai, a sua mãe, como única herdeira dele, fica com os bens que lhe pertenciam.
  25. Vê aqui , sempre tens algumas recomendações.
  26. Sim tudo em Outros.
  27. isso até pode ser verdade, agora duvido que seja a razão pela qual praticamente não têm empréstimos na plataforma. Ninguém para de fazer dinheiro porque vai alterar a plataforma daí a semanas. No máximo param dois dias antes. Eu contra mim falo, porque até hoje, a minha favorita é a Viventor,.... agora sem business, não dá para eu ficar infelizmente.
  1. Carregar mais actividade